19 C
João Pinheiro
quinta-feira, maio 6, 2021

Diego Maradona morre, aos 60 anos, na Argentina após sofrer parada cardiorrespiratória

Ex-jogador se recuperava de cirurgia recente na cabeça em sua casa na cidade de Tigres

O mundo do futebol perdeu, nesta quarta-feira, um dos seus maiores nomes. O argentino Diego Armando Maradona sofreu uma parada cardiorrespiratória em sua casa na cidade de Tigres, onde se recuperava de uma cirurgia recente na cabeça. Ele tinha 60 anos e teve, neste último procedimento, o capítulo mais recente de problemas de saúde. Maradona é o maior ídolo do esporte argentino em todos os tempos, com seus seguidores chegando a criar a Igreja Maradoniana em sua homenagem.

O médico responsável pela última cirurgia chegou a afirmar que o abuso de álcool era um dos agravantes da saúde atual de Diego. Durante sua permanência no hospital, o ex-jogador foi sedado e sofreu com a abstinência.

Maradona estava atuando como treinador do Gimnasia La Plata e chegou a comandar a seleção argentina na Copa do Mundo de 2010.

Como jogador, foi revelado no Argentinos Juniors. Teve o auge da carreira no Napoli, entre 1984 e 1991, levando o time italiano ao bicampeonato nacional, feito histórico para a equipe. Maradona também defendeu  outros times como Sevilla (ESP), Barcelona (ESP), Boca Juniors (ARG) e Newell´s Old Boys (ARG). Ele foi o grande nome da seleção da Argentina na campanha do título da Copa do Mundo de 1986, quando teve desempenho sublime do começo ao fim. Um dos gols mais marcantes aconteceu contra a Inglaterra, nas quartas-de-final no que ficou conhecido como ‘la mano de Dios’, quando usou o punho para ganhar do goleiro britânico na disputa pelo alto, sem ter o lance percebido pelo árbitro.

Maradona também participou da Copa de 1982, 1990 e 1994. Durante a carreira de atleta, Maradona enfrentou problemas com drogas, como durante a Copa do Mundo de 1994, quando caiu no exame antidoping.

1 COMENTÁRIO


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


1 Comentário
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
PEREIRA
5 meses atrás

DROGA acabou com ele

Artigos relacionados

data-matched-content-ui-type="image_card_stacked"

Últimas Notícias