InícioCidadeEx-mulher é suspeita de ameaçar pai do seu filho junto com indivíduo...

Ex-mulher é suspeita de ameaçar pai do seu filho junto com indivíduo supostamente armado em João Pinheiro

As ameaças teriam acontecido por conta da guarda da criança, que atualmente está sendo exercida unilateralmente pelo genitor, vítima das ameaças

Publicado em

Na tarde do último sábado, 19 de agosto, um pinheirense de 29 anos registrou uma ocorrência de ameaça contra sua ex-mulher, de 28 anos. Ela teria o ameaçado juntamente com outro homem, que supostamente estava armado, em razão da guarda da criança que a mulher tem em comum com a vítima. O suspeito foi preso nesta quinta-feira (24) em outra ocorrência. Entenda.

O episódio do último sábado (19) aconteceu no estacionamento da Farmácia Nacional. O circuito interno de câmeras do estabelecimento registrou quando a mulher entra no local acompanhada do segundo suspeito. Trata-se da ex-mulher da vítima, com quem ele tem um filho, e seu atual companheiro. Eles passaram pelo local, viram o carro da vítima estacionado e entraram na farmácia. O suspeito, então, caminha para o lado externo da farmácia quando nota que a vítima está saindo.

Segundo consta no boletim de ocorrências, teria sido neste momento em que as ameaças se iniciaram. A vítima relatou que o homem se aproximou, mostrou o que seria uma arma de fogo na cintura, e disse para que ele parasse de manter contato com a mulher, e também disse para parar de manter contato com o filho do casal. Em um segundo momento, a mulher também se aproximou e endossou as ameaças, questionando se a vítima pensava que ficaria com a guarda do filho sozinho.

Após as ameaças, o casal foi embora e a vítima procurou a polícia para registrar um boletim de ocorrência. O JP Agora apurou que a mulher e o homem não foram encontrados pela PM no dia em que os fatos ocorreram, mas o homem foi preso nesta quinta-feira, 24 de agosto, em outra ocorrência.

O site informa, ainda, que conseguiu contato com o advogado que representa a mulher, o qual nos relatou que sua cliente nega as ameaças a ela atribuídas e que não tem participação nas eventuais outras ameaças eventualmente praticadas.

Assinar
Notificar

Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


6 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Adolfo Marisa de Souza
9 meses atrás

Essa história está estranha. Tem uma segunda mulher nas imagens. Quem sabe um suwing não resolve tudo!? Vão caçar serviço cambada de gente atoa.

Falador
9 meses atrás

Essa não é a Bianca Moreira, presidiária, que foi prés na época do homicídio do Galego?
A mãe dela disse que ela é uma santa.

Acompanho a história
9 meses atrás

Isso que dá melhor com quem não presta, Deus me livre arrumar um filho com uma mulher desse calibre, fico com pena da criança, por ter uma mãe bandida. Deus lhe ilumine Favero.

Robert Ribeiro
9 meses atrás

Covarde vai no revólver, se fosse no braço, ía perder. Valentão com arma, sem ela é uma moça. Vagabundo.

Observando
9 meses atrás

Droga leva a pessoa a q ponto heim

Falei sai correndo
9 meses atrás

BIBI PERIGOSA ATACA NOVAMENTE
A segunda mulher do carro prata parece ser a irmã mais velha dela, Favero já pagou todos os pecados dele na terra com essa mulher.
Se já tava nos casos de perder a guarda criança, agora é um prato cheio pro juiz heim