Publicidade
Chegou seu momento - Faculdade Cidade de João Pinheiro
Publicidade
InícioPoliciaisFamília de pacientes com transtornos psicológicos passa por dificuldades e pede ajuda...

Família de pacientes com transtornos psicológicos passa por dificuldades e pede ajuda em João Pinheiro

Maria do Santos Ferreira da Silva é mãe de oito filhos, cinco deles possuem deficiências mentais

Publicado em

A equipe de reportagem do JP Agora visitou uma família moradora do Bairro Cohab que está passando por muitas dificuldades na manhã de hoje, 14 de abril. Maria dos Santos Ferreira da Silva cuida de cinco filhos com deficiência mental, além de mais alguns netos. A mulher espera receber ajuda para conseguir construir um banheiro e mais um cômodo para abrigar a todos.

Publicidade
Faça seu orçamento com a Lubrivaz em João Pinheiro

Maria contou que é mãe de oito filhos e cinco deles possuem algum tipo de deficiência mental. No total, 10 pessoas moram na residência, que não tem estrutura para abrigar a todos com dignidade. Além de todas as dificuldades, a mulher abriga, ainda, seus netos que foram rejeitados pelas mães. Uma das netas, inclusive, está grávida de 6 meses.

A dona de casa disse que não tem condições mais de trabalhar e que vive dos auxílios dos filhos, mas o valor deles está sendo insuficiente em razão das despesas com medicamentos, fazendo com que falte até mesmo comida na mesa.

Publicidade
Nossa equipe está pronta para te atender - POP Pet Center João Pinheiro

“O dinheiro hoje em dia não está dando nem para comer. Eu cozinho na lenha porque não dou conta de comprar gás.”

Maria pediu que sua história fosse divulgada para que as pessoas possam ajudá-la. Qualquer tipo de ajuda é bem-vinda e a mulher espera poder construir um banheiro e um cômodo a mais na residência para melhor abrigar a todos.

Se você tem interesse em ajudar de qualquer forma que seja, visite Dona Maria no endereço Maria Conceição, 230 – na reta da Cohab.

Publicidade

Comentários


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


Publicidade
8 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Dedé Mendonça
1 ano atrás

Boa noite eu quero ajudar pede pra me procurar Dedé Mendonça no varejão da construção

Faca na caveira
1 ano atrás
Resposta para  Dedé Mendonça

Parabéns Dedé Deus vai te dar em dobro.

Mateus
1 ano atrás
Resposta para  Dedé Mendonça

Dedé temos um grupo de ajuda caso queira entrar me procura no 01538998914121

Uelles
1 ano atrás
Resposta para  Dedé Mendonça

Que Deus continue lhe abençoando Dedé, parabéns pelo lindo gesto. Que mais pessoas se prontifiquem à ajudar essa família que tanto precisa! Tbm irei fazer minha parte.

Pe de cana
1 ano atrás

Bora ajudar….. sim….pode contar comigo ….vou fazer a minha parte…

Publicidade
#SÓ OBSERVANDO
1 ano atrás

Cadê a assistente social para acudir essa família?

Semprelendo
1 ano atrás
Resposta para  #SÓ OBSERVANDO

O comentário é pertinente.
Acredito sim na necessidade de ajuda. Os valores dos benefícios insuficientes para todos os gastos.
Mas talvez a ajuda financeira, cestas básicas, roupas…… não seja suficiente.
Esse tipo de doação acaba.
Precisamos ajudar também no sentido de orientação. Administrar bem a renda. Er certinho o remedio disponível pelo SUS pra não precisar comprar.
E outra coisa, até quando vai encostar gente nessa senhora?
Filhos sim. Mas netos, bisnetos!
A casa dela tem que chocar dinheiro. Esse povo que pensa só em fazer filho deveria ir trabalhar.
Verdade tem de ser falada.

Ideia
1 ano atrás

Isso ninguém comenta Ne

Publicidade

mais artigos