Publicidade
Chegou seu momento - Faculdade Cidade de João Pinheiro
Publicidade
InícioDestaqueGasolina terá queda de R$ 1,86 por litro em Minas, diz governo...

Gasolina terá queda de R$ 1,86 por litro em Minas, diz governo federal

Em relação ao etanol hidratado, a expectativa do Ministério de Minas e Energia (MME) é de recuo de R$ 0,31 por litro

Publicado em

O Ministério de Minas e Energia (MME) calcula que os cortes de impostos aprovados pelo Congresso devem reduzir em R$ 1,86 o preço médio da gasolina em Minas, na comparação com o recorde de R$ 7,39 atingido na semana anterior à vigência das medidas.

Publicidade
WN Telecom - Publicidade

O estado mineiro é um dos que possuíam maiores alíquotas sobre o combustível antes da imposição do teto. Nacionalmente, o MME estima que o preço médio do litro da gasolina ficará em R$ 1,55.

O valor informado pelo MME é dois centavos a mais (R$ 1,84) do que o indicado pelo Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo no Estado de Minas Gerais (Minaspetro), que ainda prevê queda de R$ 0,24 no preço do litro de etanol.

Publicidade
J7 Imobiliária - O sonho da casa está aqui

Já em relação ao etanol hidratado, a expectativa do MME é de corte médio de R$ 0,31 por litro. Na semana anterior à aprovação das medidas, o litro do combustível custava, em média, R$ 4,87.

A reportagem procurou o Governo de Minas para saber a previsão dos novos valores, e aguarda retorno.

Publicidade
Raimundo Contabilidade em João Pinheiro

Na primeira semana de corte de impostos federais, a queda média no preço da gasolina foi de R$ 0,26 por litro, segundo a última pesquisa de preços da Agência Nacional do Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANP). O corte do ICMS vem sendo aplicado gradativamente pelos estados.

As contas do MME consideram a reclassificação dos combustíveis como bens essenciais, que limita a alíquota do ICMS a 17% ou 18% e a isenção dos impostos federais PIS/Cofins e Cide sobre gasolina e etanol até 31 de dezembro de 2022.

Publicidade

Comentários


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


Publicidade
6 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Caveira
4 meses atrás

Fiscaliza o preço do gás de cozinha também.

Lucas
4 meses atrás

Votem no pcc pcc quer dizer pt ou ptpcc kkkk

Publicidade
Complicado
4 meses atrás

Vai ter gentinha gritando “mito” … Mas esquecem que tem exatos 3 anos e meio que o brasileiro vêem sendo roubado em todos os sentidos devido a alta dos combustíveis.
A população tá passando fome, pq tudo tá caro graças aos combustíveis e o governo da fome de Bolsonaro.

José
4 meses atrás
Resposta para  Complicado

Vc mora em outro planeta ?porque se mora aqui ,com certeza deve ter visto que bicho tá pegando em todo lado. Não entendo povo se almenta reclama se baixa reclama kkkkk

Ex-petista
4 meses atrás
Resposta para  Complicado

O brasileiro foi roubado sim, mas na era do PT, é só buscar no google “motivo da alta dos combustíveis” que você aprende de uma forma não doutrinada o que está acontecendo no mundo. Não grito “mito”, pois pra mim político nenhum merece aplausos antes do término do mandato, mas que ele liberou dinheiro pro sustento para TODOS os brasileiros que não tinham condição de se sustentar na pandemia, liberou e ainda aumentou o benefício social que antes eram migualhas na era PT e TANTAS OUTRAS COISAS. Votei no PT 3 eleições seguidas, mas busquei informação e hoje não voto… Leia mais »

Mali
4 meses atrás
Resposta para  Ex-petista

Contra fatos não a argumentos ,seu comentário é claríssimo .

Última edição 4 meses atrás by Mali

mais artigos