27.7 C
João Pinheiro
sábado, março 6, 2021

Motorista embriagado colide com moto e passageira de 48 anos morre em Brasilândia de Minas

O motorista se recusou a fazer o teste do bafômetro, mas assumiu ter ingerido bebida alcoólica durante o dia

Uma colisão frontal entre um carro e uma motocicleta tirou a vida de uma senhora de 48 anos no início da noite de ontem (29) em Brasilândia de Minas – MG. Ela estava na garupa da motocicleta, sofreu graves lesões na cabeça e faleceu no hospital. O piloto está estável e segue internado. O motorista do carro que havia ingerido bebida alcoólica durante o dia fugiu do local e não prestou socorro às vítimas foi preso momentos depois do acidente pela Polícia Militar.

O acidente aconteceu na Av. Job. de Assis Cardoso. Segundo uma testemunha que presenciou a colisão, o motorista do carro seguia sentido Bairro Bela Vista e o piloto da motocicleta seguia no sentido oposto, em direção ao Bairro Porto, quando num dado momento, o veículo invadiu a contramão para ultrapassar um ônibus que estava estacionado na rua, atingindo em cheio a motocicleta onde estavam o jovem piloto e a senhora na garupa.

O piloto da motocicleta não era habilitado e, por isso, a polícia a removeu para o pátio depois de ser informada que o perito não compareceria no local. Depois disso, os policiais partiram para localizar o motorista, que fugiu do local logo após o acidente. Ele foi encontrado em frente a sua residência e os policiais notaram sintomas de embriaguez imediatamente, tais como olhos avermelhados, fala desconexa e hálito etílico. O homem assumiu ter bebido caipirinha durante o dia, mas se negou a realizar o teste do bafômetro.

O veículo foi encontrado logo depois escondido em um lote próximo a residência do motorista. Questionado sobre os fatos, ele disse para os policiais que foi orientado pelo proprietário do veículo a evadir do local do acidente e confirmou a versão apresentada pela testemunha sobre a ultrapassagem, mas afirmou que a motocicleta seguia em alta velocidade e, por isso, não pôde evitar a colisão.

João Pedro Rosa da Silva Melo, 27 anos, foi preso em flagrante por dirigir sob a influência de álcool, omissão de socorro e direção perigosa.


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários

Artigos relacionados

data-matched-content-ui-type="image_card_stacked"

Últimas Notícias