Mulher acha feto em freezer meses após receber ‘pacote de carne’ de vizinha; fato aconteceu em Minas Gerais

Caso aconteceu em Belo Horizonte, Minas Gerais. A Polícia investiga o fato

Um bebê, de idade ainda não identificada, foi encontrado congelado dentro de uma geladeira no bairro Flávio Marques Lisboa, na região do Barreiro, em Belo Horizonte, na noite dessa última terça-feira (30/11). A descoberta foi feita por uma mulher, de 56 anos, dona da casa. O corpo estava dentro do eletrodoméstico há um ano. 

O corpo estava enrolado em uma cinta e em diversas sacolas plásticas. A mulher, que acionou a Polícia Militar, disse aos policiais que a sacola foi entregue a ela por uma jovem vizinha. As duas moravam na Vila Bernadete, também no Barreiro, e eram amigas. Em um determinado dia, a vizinha entregou a sacola para a mulher dizendo que era uma carne que ela comprou no supermercado e que precisava que a mulher guardasse para ela. 

A mulher de 56 anos se mudou para o bairro Flávio Marques Lisboa e levou junto o congelador, sem retirar a sacola. Na noite dessa terça-feira (30) a mulher abriu o embrulho e se deparou com o corpo. A princípio, a Polícia Militar afirmou que se tratava de um bebê, mas a irmã da mulher que encontrou o corpo garantiu que se trata de um feto. 

A Polícia Civil irá investigar o caso. O IML investiga se o corpo se trata de um bebê ou de um feto. A Polícia Militar encontrou a mulher que teria entregado o feto. Em depoimento, ela assumiu ser progenitora da criança.

2 COMENTÁRIOS


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


2 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Ti durim
5 meses atrás

Já dizia a música: Mundo velho está perdido, já não endireita mais… é o começo do fim…. 🔈🔈

Irônico
5 meses atrás

Se ela assumiu ser a progenitora deve responder legalmente por isso. Na matéria não explica se a justiça tomou alguma posição. O que houve posteriormente?

Artigos relacionados

Últimas Notícias