Ônibus da Prefeitura com pacientes de hemodiálise atola em acesso à Patos; mulher faz apelo sobre tratamento em João Pinheiro

Choveu bastante durante a noite e o desvio foi comprometido

O ônibus da Prefeitura de João Pinheiro que transportava pacientes da hemodiálise à cidade de Patos de Minas atolou no desvio da MGC 354 na madrugada desta segunda-feira, 17 de janeiro, o que comprometeu as sessões de 11 pacientes pinheirenses. Angélica Xavier, que passa pelo tratamento há 9 anos, concedeu entrevista ao JP Agora revoltada e pediu providências a respeito da inauguração da hemodiálise em João Pinheiro.

Na entrevista, concedida por Angélica à reportagem do JP Agora via WhatsApp, Angélica contou que o ônibus atolou por volta das 5:50 horas e só conseguiu sair do local muito depois. Antes disso, todos os 11 pacientes passaram por momentos de incerteza dentro do veículo atolado.

“Chegamos às 08:30 horas e perdemos duas horas de tratamento. Cada minuto é importante porque as toxinas do corpo já são muitas, podemos passar mal, a uréia aumenta demais, potássio aumenta demais, creatina aumenta demais. Essas enzimas fazem mal e nossos rins não filtram. Precisamos do tratamento” explicou Angélica sobre o medo que sentiu ao se ver no risco de perder a hemodiálise de hoje.

A hemodiálise em Patos de Minas acontece todos os dias da semana. Para pacientes de João Pinheiro, o JP Agora apurou que o transporte da Prefeitura de João Pinheiro leva 11 pessoas na segunda, quarta e sexta. Na terça, quinta e sábado, o ônibus leva 20 pacientes.

Segundo Angélica, o ônibus passou por JK na semana passada e o motorista resolveu passar por Presidente Olegário nesta segunda-feira porque soube que o desvio estava pronto. A decisão foi comprometida pela chuva que caiu na região nesta noite, o que resultou na perda de duas horas de tratamento, além do transtorno aos pacientes, que ficaram todos muito apreensivos. Por conta disso, a expectativa pela hemodiálise em João Pinheiro ficou ainda maior.

Angélica Xavier relembrou que a promessa inicial da Prefeitura de João Pinheiro era inaugurar a hemodiálise municipal em dezembro de 2020, o que ainda não aconteceu. A mulher se mostrou revoltada, também, com a falta de informações a esse respeito por parte da prefeitura.

O JP Agora apurou que a conclusão da obra era para dezembro de 2020, sendo o último prazo para conclusão da obra em abril de 2021. Como não foi cumprido, a prefeitura chamou a empresa que ficou na segunda colocação, mas ela se recusou. Então, a prefeitura pagou o que a empreiteira tinha feito e assumiu a obra. A nova previsão é de que tudo seja finalizado em 3 meses.

Desvio bloqueado pela PM

Depois que soube da situação dos pacientes pinheirenses, o JP Agora buscou informações e descobriu que o desvio criado na MGC 354 está bloqueado pela PM neste momento. Em razão das chuvas, a estrada está com mais de 50 carros aguardando passagem no trajeto do desvio, que tem 5 pontos de atoleiro. Por isso, a polícia bloqueou a entrada até que a situação melhore.

8 COMENTÁRIOS


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


8 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
E. Jose
4 meses atrás

Este ano inaugura… ano de eleições… a mágica acontece… infelizmente como sempre a politicagem prevalece!

ROSIMEIRE
4 meses atrás

Poisé está mulher tá certa achei que já está a funcionando em João Pinheiro,tá demorando demais

Paciente
4 meses atrás
Resposta para  ROSIMEIRE

A maioria da populaçao acha isso vem muitas pessoas falar comigo achando que estamos fazendo hemodialise ai em joao pinheiro enquanto nossa realidade e outra temos que colocar nossas vidas em risco buscando o tratamento pra continuarmos vivendo

José Roberto Duval Lucio
4 meses atrás

Bom dia
Realmente. O prefeito prometeu inaugurar a clínica de hemodiálise no mês passado.
Mas até agora as obras estão a passos de tartaruga.
Cheguei mandar um e-meil para o Hospital Evangélico perguntando sobre as obras. Não obtive resposta a.
Fiquei sabendo através do Instagram que, um deputado liberou verba para a saúde de João Pinheiro. Esse dinheiro está sendo investido nas obras?
Estamos de olho.
Aguardo resposta. Pois as coisas que publico não obtive retorno.
Nem o prefeito respondeu.
Obrigado.

Paciente
4 meses atrás

E nem vao responder pois ha tempos nos estamos mandando mensagem para o prefeito edinho nem se quer ele responde e um descaso total conosco mas nao vou deixar parado vou correr atraz dos nossos direitos pois e dever dele cumprir o que prometeu tantos irmaos de tratamento ja se foram por nao conseguir fazer a viagem pois e muito desgastante iss nao vai ficar impune

Martins
4 meses atrás

Se o município não tiver uma UTI que não seja de COVID , infelizmente a hemodiálise ficará só na campanha política. Ou talvez nas próximas eleições de prefeito em 2024.

Cachinhos de ouro
4 meses atrás

Promessa d políticos são todas falsas,na campanha o prefeito edim e vários candidatos a vereador vieram aqui no parque das andorinhas e prometeu asfalto e energia em ruas q os moradores vive no escuro,disse ainda q o dinheiro do asfalto estava em caixa,foi só passar a eleição nunca mais apareceu ninguém aqui,eles esquecem q vai ter próxima eleição mais a população não esquece,viu Srs políticos…

Lobos solitário
4 meses atrás

No último ano , ano de eleição p/ prefeito ela será inaugurada!!!

Artigos relacionados

Últimas Notícias