InícioCidadePolícia Civil indicia três pessoas por tentativa de homicídio ocorrida em saída...

Polícia Civil indicia três pessoas por tentativa de homicídio ocorrida em saída de boate em João Pinheiro

Uma mulher de 22 e dois homens, de 22 e 26 anos, foram indiciados pelo crime

Publicado em

A Polícia Civil de João Pinheiro concluiu inquérito que investigava uma tentativa de homicídio, qualificada por motivo fútil e meio cruel, registrada na saída de uma boate no dia 05 de novembro. Três pessoas foram indiciadas, sendo Natália Roberta Santos Vieira de 22 e dois homens, Antônio Joaquim Duarte Neto de 22 e Pedro Augusto Vieira 26 anos de idade.

O crime foi noticiado pelo JP Agora à época. As investigações apontaram que a vítima, Luiz Fernando Landim de 21 anos, e os indiciados participavam de uma festa em uma boate da cidade quando a vítima e um amigo teriam esbarrado na indiciada com uma mesa, o que teria motivado ela e os outros dois indiciados a iniciarem uma confusão.

As investigações apontaram, ainda, que a discussão ficou mais acalorada e, já na rua, a indiciada, Natália Roberta Santos Vieira de 22 anos teria desferido a facada no abdômen da vítima. Inicialmente, ela alegou legítima defesa, mas a tese foi afastada pelo delegado que comandou as investigações.

“Por meio de investigações, a Polícia Civil de Minas Gerais verificou que os investigados iniciaram as agressões físicas contra a vítima, descaracterizando a alegação da investigada.”

O jovem esfaqueado ficou com as vísceras para fora e foi socorrido até a UPA e depois foi transferido para Patos de Minas, onde ficou internado por mais de uma semana sob risco de morte. A conclusão da autoridade policial, o Delegado Daniel Pedro, foi que os indiciados tentaram ceifar a vida da vítima. O caso segue, agora, para o Ministério Público, que decidirá pela denúncia dos indiciados.

https://youtu.be/ZedAzf2ZIk0
Assinar
Notificar

Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


6 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Lages
2 meses atrás

Esse Pedro augusto tá passando da hora .já saiu aqui das lages corrido cuidado neguim fazendo maldades com zoutros

Sérgio Moro Deltan
2 meses atrás
Resposta para  Lages

Não é o Pedrinho das lajes, esse Pedro aí tem o apelido de FRANGO, tem um bar perto do Quintino

Fernanda Furtado Melo
2 meses atrás

Parabéns Delegado, eu achei um absurdo foi o do festa falar assim estou nem aí e os seguranças muito mal preparados, mais agora que a justiça seja feita, parabéns Delegado, e tem muitas pessoas pensa que é parente de prefeito e vereador e pensa que pode fazer o que quiser na cidade, e fui nessa festa tinha muito de menores comprando bebidas falta fiscalização, parabéns o site jpagora sempre sério por isso eu gosto desse site

Eldorado
2 meses atrás

Frango, pacotinho e o outro tem um sobrenome conhecido heim, será que é parente do prefeito?

Cinthyo correia
2 meses atrás

Sobrinho do PREFEITO. Da nada.

Blessed 🙏🏽
2 meses atrás
Resposta para  Cinthyo correia

O que tem haver ser parente do prefeito, a justiça é para todos aff