InícioCidadePrejuízo dos lesados pela Point das Fábricas pode chegar a cinco milhões...

Prejuízo dos lesados pela Point das Fábricas pode chegar a cinco milhões de reais

A empresa fechou as portas em todo o estado e não paga mais os consorciados contemplados

Publicado em

Uma empresa de consórcio popular conhecida como Lojas Pinheiro, Point das Fábricas e LK Motos, fechou mais duas filiais na cidade de Sete Lagoas. Os funcionários chegaram para trabalhar e encontraram a empresa de portas fechadas.

PROCON, Ministério Público, Defensoria Pública e a Comissão do Direito do Consumidor da ALMG se reuniram com 800 clientes da loja de Sete Lagoas, mas estima-se que o número seja bem maior, cerca de 5.000 pessoas.

“Só em Sete Lagoas pode ter mais de 5 mil contratos, pessoas falaram ter contrato de até 45 mil reais, são diversos os casos”, disse o Deputado Estadual Douglas Melo, da comissão de Direito do Consumidor.

O dono da empresa, Luiz Macedo Magalhães, desapareceu da cidade de Sete Lagoas quando o caso veio a tona. A Polícia Civil está apurando a situação.

Várias reclamações de clientes que quitaram seus consórcios e não receberam os produtos foram registradas em todo o Estado. Em João Pinheiro não foi diferente. A empresa saiu da cidade em 2018, deixando centenas de pessoas no prejuízo.

Segundo o advogado do Procon de João Pinheiro, Dr. Gilmar, como a questão envolve suposta fraude, todas as reclamações registradas estão sendo encaminhadas para o Ministério Público da cidade.

No dia 06 de julho de 2019, em uma audiência realizada em João Pinheiro, a empresa se comprometeu a pagar todos os pinheirenses contemplados, o que vinha ocorrendo até o mês de outubro.

Assinar
Notificar

Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


16 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Sou eu
4 anos atrás

Essa loja continua em João Pinheiro com outro nome na capitão Espiridião.
Mix moto, alguma coisa assim.
Eu e meu filho tbm fomos lesados.

Maluco da quebrada
4 anos atrás
Resposta para  Sou eu

cuidado amigo pois isso dar processo vc prova?????

Adê
2 anos atrás
Resposta para  Sou eu

Aguma noticia nova dos donos da point das fabricas?

Julio cesar
3 anos atrás

O dono tá em São Mateus no Maranhão na sua fazenda milhionaria

Sinceridade
2 anos atrás

Esses vagabundos estão na Capitão Esperidião com outro nome, cuidado João Pinheiro, eu tenho avisado pra todos que conheço.

Pinheirense
4 anos atrás

∆ ∆ ∆

A favor da pm
4 anos atrás

Só mudou de nome mix moto cuidado está em João Pinheiro na rua capitão esperdiao de frente o veredas …enquanto ela esteve em João Pinheiro mudou de nome 3 vês. ..

Revoltado
2 anos atrás

Eu não fui lesado, não sou trouxa

Polícia
2 anos atrás
Resposta para  Revoltado

O golpe tá aí…

Jararaca Ensaboada
4 anos atrás

acorda Zé.

Adê
2 anos atrás

Alguma noticia recente dos donos da loja point das fabricas,?

Povinho besta
2 anos atrás

Pra quer aterrorizar, quer cuida se cuide.

Também fui lesado pela a empresa ponte das fabrica
2 anos atrás

Também fui lesado na loja pont das fabrica

Tales
2 anos atrás

E agente vai ficar no prejuízo?
Sério isso produção?
Cadê a “justiça”?

Tales
1 ano atrás

Alguma notícia do dsgç** do proprietário?
E quem fica no prejuízo são os otários aq né