InícioCidadeBebê pinheirense com condição cardíaca rara consegue ser transferido e família precisa...

Bebê pinheirense com condição cardíaca rara consegue ser transferido e família precisa de ajuda de custo

Os pais do pequeno Oliver foram para a Capital Federal e precisam de dinheiro para as despesas básica, como alimentação e acomodação

Publicado em

Nosso conterrâneo Oliver Alves dos Santos, nascido no dia 05/06/2024 com um problema cardíaco gravíssimo e raro, finalmente foi transferido graças a uma grande mobilização nas redes sociais e, principalmente, pela equipe do Hospital Municipal de João Pinheiro. Ele foi levado a Brasília, onde já se encontra internado no Hospital e Maternidade Santa Maria.

O JP Agora noticiou o caso de Oliver nesta quinta-feira (13) e, no mesmo dia, graças ao empenho de diversas pessoas e da equipe do Hospital Municipal de João Pinheiro, a tão aguardada transferência de urgência aconteceu. O pequeno pinheirense foi transferido ainda ontem e já se encontra internado sob cuidados intensivos. Agora, a preocupação dos pais é como vão manter as despesas para acompanhá-lo.

Em virtude das despesas de acomodação, alimentação e transporte na capital federal, os pais de Oliver iniciaram uma vaquinha online para arrecadação de fundos. Qualquer quantia é bem-vinda, já que os dois precisam acompanhar o filho e não conseguem renda neste momento. Doe pelo PIX 702.766.866-16, em nome de Carlos Eduardo Alves Barbosa, pai de Oliver.

Assinar
Notificar

Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


1 Comentário
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Ndmais
1 mês atrás

Bora Ajudar eles pessoal