Depois de gravidez de risco e parto prematuro, mãe elogia atendimento da equipe da saúde de João Pinheiro

A pequena Bruna Heloísa nasceu com bastante saúde pesando 2,5kg depois de 35 semanas de gestação

O JP Agora vai contar, nesta quarta-feira 09 de fevereiro de 2022, a história da pequena Bruna Heloísa que, apesar de ter nascido em Patos de Minas, com toda certeza vai sentir orgulho de dizer que é pinheirense depois que tiver tamanho para entender o quão importante foi o trabalho da equipe da saúde de João Pinheiro para o seu nascimento. A reportagem do site entrevistou a mãe, que nos deu detalhes sobre os momentos que antecederam o nascimento de Bruna ainda no distrito de Luizlândia do Oeste até a cidade vizinha, que também não mediu esforços para ajudá-la.

Eliana Cristina fez questão de procurar o JP Agora para elogiar a equipe que a atendeu, desde o motorista da ambulância que a levou de Luizlândia do Oeste à equipe médica que a atendeu no Hospital Municipal Antônio Carneiro Valadares. A pinheirense, nascida e criada em JK, contou que sua gravidez era considerada de risco e que, por conta disso, antes mesmo da bolsa estourar por volta das 15 horas do último sábado (05), já tinha conhecimento de que seria bem atendida se caso algo de urgente acontecesse.

Bastante apressada para ver o mundo com seus próprios olhos, a pequena Bruna Heloísa não quis esperar nem mais um minuto e deu o primeiro sinal de que estava na hora de nascer rompendo a bolsa por volta das 15 horas do último sábado (05). Começava ali a pequena novela que antecederia o seu tão aguardado nascimento, já que sua família mora na zona rural de Luizlândia do Oeste. No mesmo instante, a ambulância municipal foi acionada para levar Eliana até o Hospital Municipal de João Pinheiro.

“A gravidez já era considerada de alto risco. Então, quando a bolsa estourou, chamamos a ambulância na mesma hora e o excelente atendimento começou logo no transporte. O motorista Detinho foi bastante atencioso comigo e me levou em segurança até o P.A, onde comecei a ser atendida pela equipe médica liderada pela Dra. Sofia. Ela imediatamente viu que precisava transferir para Patos e tudo foi organizado muito rápido. Quando notei, já estava no caminho. Mesmo sentindo muitas dores, não pude deixar de reparar que eu estava sendo muito bem tratada. Uma enfermeira e uma médica foram comigo na ambulância ela conversavam comigo a todo momento para tentar amenizar minha dor” contou Eliana ao repórter do JP Agora.

Com as contrações cada vez mais frequentes, Eliana deu à luz assim que chegou no Hospital Regional, onde uma equipe de profissionais já a aguardava em razão do risco que envolvia seu quadro. Já com a pequena Bruna Heloísa em seus braços, a pinheirense ganhou alta e retornou para João Pinheiro na última terça-feira, 08 de fevereiro, três dias depois do parto, procedimento que correu bem e sem complicações.

Já em casa, a pinheirense resolveu contatar o JP Agora para contar sua história e para elogiar o atendimento recebido em João Pinheiro.

“Eu só tenho a agradecer. Foi um momento difícil, eu sei que os atendimentos são difíceis, mas esse momento que eu passei, sentindo muita dor, muitas contrações, consegui passar sem maiores complicações graças ao bom atendimento que recebi desde o transporte de ambulância de JK para o P.A. Gratidão é a palavra. Respeito demais toda a equipe. Minha tia mãe Vera Braga também teve papel importantíssimo e eu não posso deixar de agradecê-la pelo apoio. Por conta disso tudo, minha filha nasceu super saudável e já estamos de alta em casa” finalizou a pinheirense.

A equipe do JP Agora se sente muito orgulhosa de ser procurada para reproduzir histórias como esta. O nascimento da pinheirense Bruna Heloísa, assim como os elogios da mãe Eliana, merece ser compartilhado. Reforçamos que o site está à disposição da população pinheirense para cobrar, quando for preciso, assim como para elogiar quando o trabalho é bem executado. Desejamos felicidades e muita saúde à pequena Bruna Heloísa e à toda sua família.

2 COMENTÁRIOS


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


2 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Revoltado
3 meses atrás

Nossa saúde nas mãos do melhor perfeito do Brasil, Edinho

Cidadão
3 meses atrás
Resposta para  Revoltado

Se a saúde fosse tão boa assim o parto teria sido feito em João Pinheiro.

Artigos relacionados

Últimas Notícias