InícioCidadeEsposa é estuprada pelo marido na noite de Natal na zona rural...

Esposa é estuprada pelo marido na noite de Natal na zona rural de João Pinheiro 

Mulher não consentiu com a relação sexual e o marido a forçou; estupro foi constatado em exame clínico 

Publicado em

Uma mulher de 28 anos foi vítima de estupro na noite de Natal na zona rural de João Pinheiro. O abusador foi seu próprio marido, que a abusou mediante ameaças de morte. A ocorrência da violência sexual foi atestada pelo exame de corpo de delito e o indivíduo foi preso em flagrante.

O JP Agora apurou, com exclusividade, que a Polícia Militar foi acionada para comparecer no distrito de Santa Luzia na madrugada do dia 25 de dezembro. No local, a vítima afirmou que estava em uma confraternização natalina com o marido e que os dois começaram a brigar quando chegaram em casa, onde, segundo ela, as agressões físicas se iniciaram com tapas no rosto.

Já na UPA, a mulher relatou que, além das agressões físicas, também havia sofrido agressão sexual. Ela disse que o marido a obrigou a manter relações sexuais à força mediante ameaça de morte com uma faca. Diante do relato, a médica plantonista realizou um exame íntimo, o qual atestou lesões íntimas que confirmaria o estupro. 

Diante do relato e do exame, a Polícia foi em busca do suspeito e o localizou, efetuando sua prisão em flagrante. Na delegacia, o marido relatou que combinou com a esposa que os dois teriam relações quando chegassem em casa após a festa e, quando chegaram, a mulher negou e começou a agredi-lo. Ele ainda afirmou que manteve relação sexual com a esposa, mas que foi consensual.

Apesar da negativa de autoria por parte do suspeito, ele foi preso e encaminhado ao presidio. Nesta manhã, 26 de dezembro, a justiça de João Pinheiro converteu a prisão em flagrante em preventiva e o indivíduo seguirá atrás das grades até segunda ordem.

Assinar
Notificar

Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


4 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
fulano de tal
3 meses atrás

Se a moda pega!

Trabalhador
3 meses atrás

tá ferrado, mesmo se for verdade o que ele falou, o que vale só a palavra da mulher!

Sul
3 meses atrás

Essa moça que passou por isso fica tranquila que o fim desse aí já ta anotado aqui 😉😉

Pinheirense
3 meses atrás
Resposta para  Sul

Não esqueça, pode outra vesão