Estelionatários oferecem ajuda a idosa e sacam R$1.500 da conta da vítima em João Pinheiro

A dupla de criminosos induziu a idosa a erro e sacaram o dinheiro; vítima notou o prejuízo quando chegou em casa

Dois homens ainda não identificados aplicaram um golpe em uma idosa de 72 anos na manhã do último domingo, 06 de junho, na agência do Banco do Brasil de João Pinheiro – MG. A vítima foi até o local efetuar um saque e foi abordada pela dupla, que ofereceu ajuda, ludibriou a senhora e sacou R$1.500,00 (um mil e quinhentos reais) sem que a mulher percebesse.

O JP Agora apurou os fatos e descobriu que os criminosos falaram para a idosa que os caixas eletrônicos estavam com defeito e que ela precisava de ajuda. Então, os dois se aproximaram e conseguiram convencê-la de que iriam ajudá-la. Em um dado momento, a vítima tentou efetuar o saque e não conseguiu, quando foi informada pela dupla de criminosos que ela precisaria atualizar o cadastro para desbloquear a conta.

A idosa foi embora e, já em casa, abriu o aplicativo do banco no celular e notou o saque de R$1.500,00 (um mil e quinhentos reais) realizado pelos estelionatários sem que ela percebesse. A polícia foi acionada e o caso foi registrado. O JP Agora levantou que os autores se tratam de dois homens, ambos de cor morena e com aproximadamente 1,70 de altura, um trajando camisa verde clara e o outro camisa azul, ambos de bonés e máscaras pretas anti covid.

Publicidade
Farmacia Pinheirense 970x250 1

A PM realizou buscas no intuito de localizar os autores, mas, até o momento, eles não foram encontrados. Ao usar os serviços dos caixas eletrônicos em agências bancárias, redobre a atenção e recuse ajuda de terceiros.

1 COMENTÁRIO


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


1 Comentário
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
De olho
5 meses atrás

Observação hoje estava na caixa e tinha um rapaz oferecendo ajuda já que os funcionários estão proibidos de ajudar os menos favorecidos tinha que ficar um fiscal na Caixa econômica e em bancos só para observar esses tipos de golpe.

Artigos relacionados

data-matched-content-ui-type="image_card_stacked"

Últimas Notícias