InícioBrasilFalha mecânica levou monóxido de carbono para dentro de carro; jovens de...

Falha mecânica levou monóxido de carbono para dentro de carro; jovens de Paracatu e Patos de Minas morreram

Investigação aponta para monóxido de carbono como causa de mortes de jovens de Paracatu e Patos de Minas em Balneário Camboriú

Publicado em

Quatro jovens mineiros, que recentemente se mudaram para a Grande Florianópolis, foram encontrados mortos em um carro em Balneário Camboriú, Santa Catarina, com suspeita de intoxicação por monóxido de carbono. As vítimas foram identificadas como Gustavo Pereira Silveira Elias, 24 anos, Karla Aparecida dos Santos, 19 anos, Tiago de Lima Ribeiro, 21 anos, e Nicolas Kovaleski, 16 anos, oriundos de Paracatu e Patos de Minas.

Segundo o delegado Bruno Effori, os jovens passaram cerca de quatro horas dentro do veículo, um BMW/320I M Sport, com o ar-condicionado ligado. Uma falha mecânica, possivelmente relacionada a uma recente customização do sistema de escapamento do carro, pode ter causado a tragédia.

O delegado Effori explicou que a perícia identificou uma perfuração no escapamento do veículo, sugerindo que o monóxido de carbono vazou para dentro do carro, causando asfixia e parada cardiorrespiratória nos ocupantes. A família da vítima confirmou que o carro havia passado por modificações recentemente.

Investigações preliminares e análises de câmeras de segurança da Rodoviária de Balneário Camboriú, onde o carro estava estacionado, indicam que uma das vítimas, que sobreviveu, entrou e saiu do carro várias vezes enquanto aguardava os ocupantes da BMW. Durante este período, os jovens relataram sentir náuseas e tontura, optando por aguardar até se sentirem melhor.

Não foram encontrados sinais de violência nas vítimas, mas ainda está sendo apurada a possibilidade de envolvimento de terceiros no incidente. A Polícia Científica está realizando a perícia do veículo e dos corpos, e os laudos podem levar alguns dias para serem concluídos. A Prefeitura de Paracatu decretou luto oficial pelas mortes trágicas.

Assinar
Notificar

Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


1 Comentário
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Sabe tudo
1 mês atrás

Tá muito estranho isso aí🤔🤔