InícioCidadeGoverno Federal deixa João Pinheiro de fora da nova remessa das vacinas...

Governo Federal deixa João Pinheiro de fora da nova remessa das vacinas contra a dengue

Ampliação da vacinação em Minas Gerais não contempla Paracatu, Brasilândia e Unaí, apesar do aumento de casos

Publicado em

O Ministério da Saúde anunciou na última quinta-feira (25) a expansão do programa de vacinação contra a dengue para incluir mais 101 municípios de Minas Gerais, contudo, cidades importantes do Noroeste Mineiro, como João Pinheiro, Paracatu, Brasilândia de Minas e Unaí, não estão entre os contemplados. Esta decisão vem em um momento crítico, dado o aumento dos casos de dengue na região e no estado.

Ao todo, Minas Gerais receberá 97.900 doses do imunizante, das quais 67,5 mil são destinadas aos novos municípios incluídos na campanha. No entanto, a seleção dos municípios beneficiados segue critérios que incluem o ranqueamento das regiões de saúde e o quantitativo necessário de doses, levando em conta a disponibilidade fornecida pelo fabricante.

“Agora com a inclusão desses novos municípios, teremos um total de 1,3 mil municípios atendidos em todo o Brasil, abrangendo 25 estados da federação”, afirmou Ethel Maciel, secretária de Vigilância em Saúde e Ambiente. “Estamos seguindo uma lista previamente pactuada com os gestores de saúde dos estados e dos municípios para a distribuição das vacinas”, completou durante uma coletiva de imprensa.

A ausência de cidades como João Pinheiro e Paracatu na lista de municípios contemplados com as novas doses da vacina contra a dengue gerou questionamentos e preocupações locais, principalmente considerando o número crescente de casos na região. Até o momento, o Brasil registra 3,8 milhões de casos prováveis de dengue, com 40,4 mil considerados graves.

Além da distribuição de vacinas, o Ministério da Saúde destacou a importância de continuar combatendo os focos do mosquito transmissor da dengue, com medidas simples como a eliminação de água parada, que podem ser implementadas no dia a dia pela população.

O governo federal também liberou R$ 140 milhões para apoiar o combate à dengue em diversos estados e municípios, parte de um fundo total de R$ 1,5 bilhão destinado para este fim. Ainda assim, a necessidade de inclusão das cidades do Noroeste Mineiro nas futuras distribuições de vacinas permanece como uma demanda urgente para os habitantes e gestores locais.

Assinar
Notificar

Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


8 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Trabalhador
15 dias atrás

Quanto amor do pai dos pobres!

Trabalhador JP
15 dias atrás

Se fosse o Bolsonaro era chamado de genocida

Julieta
15 dias atrás

Só vim ler, quem era contra vacina, reclamar que agora é favor da vacina

Trabalhador
15 dias atrás
Resposta para  Julieta

O problema quem quer vacinar não tem vacina , Esse o problema ! vai fazer 1 ano que as vacinas estão prontas , quantas pessoas morreram e vão morrer por necligencia do governo federal.seja quem for que estiver no poder tem que ser cobrado.

Governo Federal deixa João Pinheiro de fora da nova remessa das vacinas contra a dengue – Portal Anuncia Unaí
15 dias atrás

[…] Fonte da matéria […]

Rosa do deserto
15 dias atrás

Precisamos escolher melhor nossos representantes gente pessoas vai lutar pra trazer benefícios pra nosso município

Filhos da Anarquia
15 dias atrás

Viva papai lula

Julieta
15 dias atrás
Resposta para  Filhos da Anarquia

Toma Cloroquina, é a mesma coisa