Homem acusado de estuprar garota em um lote vago em Brasilândia de Minas é preso preventivamente

O suspeito teria utilizado uma faca para coagir a menor e a levou para um matagal próximo ao Sindicato Rural de Brasilândia de Minas, onde consumou o estupro

Um homem de 32 anos natural de Santa Fé de Minas acusado de estuprar uma menina de 13 anos nos fundos do Sindicato Rural de Brasilândia de Minas foi preso preventivamente na tarde da última segunda-feira (05). O crime aconteceu em abril e a vítima teria reconhecido o suspeito, mas, mesmo assim, ele não foi preso à época porque não havia mais flagrante quando o caso chegou ao conhecimento da polícia.

As informações apuradas pelo JP Agora indicam que o mandado de prisão foi expedido pela justiça pinheirense e foi cumprido imediatamente pela Polícia Militar em Brasilândia de Minas. Foi apurado pela equipe de reportagem, ainda, que o homem teria utilizado uma faca para coagir a menor e para levá-la até os fundos de um lote próximo ao Sindicato Rural de Brasilândia de Minas, onde consumou o estupro.

A menor teria reconhecido o homem e o apontou para a polícia no dia em que denunciou o estupro. Apesar disso, o suspeito não foi preso porque a situação de flagrante não mais existia. Por isso, a justiça decretou a prisão preventiva. O inquérito é sigiloso, motivo pelo qual maiores detalhes sobre a decretação da prisão e sobre o caso em si não foram divulgados.

Publicidade
Colégio Darcília Coímbra João Pinheiro - Matrículas Abertas

4 COMENTÁRIOS


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


4 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Tiãozim
4 meses atrás

Esse é o Brasil. Onde ninguém fica preso por nada! Vergonha dessas leis ?

José Ricardo
4 meses atrás

Parabéns Policia Militar de Brasilandia pelo empenho de sempre!!!!!!!!!!

Pensativo
4 meses atrás

Qria ver se foi filha d um policial se tinha ficado esse tempo todo sem ser preço…

Filha do rei
4 meses atrás

Nossa quantas falhas ?

Artigos relacionados

data-matched-content-ui-type="image_card_stacked"

Últimas Notícias