Inconformada com a separação, mulher põe fogo e mata o ex-marido em São Gotardo

O crime foi cometido pela ex-mulher da vítima de 30 anos, ela acabou sendo presa pela Polícia Militar

Um homem de 37 anos teve o corpo incendiado e morreu neste sábado (22) na cidade de São Gotardo. O crime foi cometido pela ex-mulher da vítima de 30 anos, que não teria se conformado com a separação. Ela foi presa quando tentava por fogo na casa e no próprio corpo.

A Polícia Militar foi acionada por volta das 9h00 da manhã deste sábado (22). Testemunhas informaram que o morador de uma residência no Bairro Sol Nascente, A.T.M, 37 anos, saiu para a rua com o parte do corpo em chamas, gritando e pedindo por socorro. Ele foi socorrido por vizinhos e levado ao pronto socorro municipal.

A equipe da Polícia Militar entrou na residência, onde se encontrava a autora, J.P.M.M., 30 anos. Ela estava ateando fogo nos bens e na residência. Os policiais verificaram ainda que a mulher apresentava forte odor de gasolina em seu corpo. O fogo no imóvel foi controlado e a autora presa em flagrante delito e conduzida para a delegacia de plantão em Patos de Minas.

Publicidade
Farmacia Pinheirense 970x250 1

No local dos fatos, encontrava-se também o filho do casal de 10 anos de idade, o qual ficou sob os cuidados de uma parente. Foi realizado contato com a Perícia Técnica, que compareceu ao local e realizou seus trabalhos de praxe.

No pronto socorro, o homem que ainda estava lúcido, relatou que havia se separado da mulher e que nesta data, insatisfeita e de posse das chaves da residência, adentrou à sua propriedade e lhe ateou fogo. A A.T.M foi atendido pelo médico de plantão e foi transferido para Belo Horizonte. Mas devido à gravidade dos ferimentos, por volta das 23h10min, o hospital informou que ele não resistiu e acabou morrendo.

1 COMENTÁRIO


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


1 Comentário
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Vergonha
6 meses atrás

Credo as pessoas em vez de cultivar o amor próprio, querem basear a felicidade em outrem…
Bando de idiotas, pessoas de alma fraca…

Que apodreça na cadeia pra larga de ser imbecil.

Artigos relacionados

data-matched-content-ui-type="image_card_stacked"

Últimas Notícias