Laudo aponta inexistência de ruptura do hímen em caso de criança supostamente estuprada em Luizlândia do Oeste (JK)

Homem apontado como suspeito entrou em contato com o JP Agora em data pretérita e negou o crime, dizendo ainda que o pai da criança fez a denúncia para prejudicá-lo

O caso do estupro de uma garotinha supostamente ocorrido no distrito de Luizlândia do Oeste (JK), município de João Pinheiro, em novembro sofreu mais uma reviravolta. Semanas após o suspeito entrar em contato com o JP Agora para acusar o pai da criança de armação, o laudo pericial realizado na criança apontou que não houve ruptura do hímen e, por conta disso, restou inconclusivo a respeito da conjunção carnal. Por conta disso, a justiça indeferiu a prisão preventiva de Marcos Vinícius.

A história se iniciou no dia 22 de novembro quando o pai da criança chamou a polícia para relatar que sua filha havia sido estuprada. Na época, o homem contou à polícia que Marcos Vinícius tinha acesso à sua residência e teria aproveitado que sua filha teria ficado sozinha em casa para abusar sexualmente dela. O caso revoltou a comunidade de JK e várias pessoas se manifestaram nas redes sociais.

Em seguida, no início de dezembro, o suspeito de ter abusado sexualmente da criança entrou em contato com o JP Agora para desmentir a história e, ainda, acusou o pai da garotinha de ter inventado toda a narrativa para prejudicá-lo. Na ocasião, Marcos Vinicius garantiu que o exame conseguiria provar que não houve estupro.

Então, nesta semana, o JP Agora apurou, com exclusividade, que o laudo de violência sexual realizado na criança apontou que o hímen não foi rompido, o que impediu que se chegasse a uma conclusão definitiva se houve ou não conjunção carnal. Em razão disso, a justiça indeferiu o pedido de prisão preventiva realizado pela autoridade policial.

Apesar da negativa da prisão preventiva, a justiça determinou medidas cautelares a serem cumpridas por Marcos Vinicius até o julgamento final do processo. O caso continuará sendo investigado pela Polícia Civil de João Pinheiro.

19 COMENTÁRIOS


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


19 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Justiça seja feita
4 meses atrás

E agora a pergunta é ao concluir o processo se Marcos Vinicius for inocentado,qual é a pena para quem o acusou?
A justiça deve pesar a mão na sentença de quem fez a falsa denúncia
Pois Marcos correu risco de vida por um crime que aparentemente ele não cometeu
A população foi muito cruel com ele sem ao menos ter o resultado do exame.
Quem o acusou deve ser condenado com uma pena pior do que estrupador.
Essa é minha opinião

Urucuia
4 meses atrás
Resposta para  Justiça seja feita

Verdade, essa não pode deixar passar batido

Bartolomeu
4 meses atrás

Tem é que pegar essa vagabundo que falam que é pai e dar um pai nele. A situação que esse filho da puta impôs a filha dele.

Baby Boy
4 meses atrás

Imagina quantos outros homens n devem passar pela mesma situação, o pai faz denuncia falsa, põe o cara no fogo e depois o exame comprova que não houve rompimento do himem.

O certo era primeiro fazer o exame e depois registrar alguma coisa, só acho

Só observando
4 meses atrás

Pior de tudo é a menina passar por esse constrangimento todo, ter que submeter a exames pra ver se ouve algum rompimento ou não, um pai desse tinha que amarra ele no pau e cortar na chibata

Certo e provado
4 meses atrás

E prosesso no pai da menina isto aí e crime

Justiça
4 meses atrás

Iso aí menino você provoca que é inocente agora processo nele

As duas faces de uma moeda
4 meses atrás

A Globo também fez notícia desse caso, cade a notícia GLOBOLIXO!

Justiceiro
4 meses atrás

O mais triste é ver o pai querendo fazer justiça, perceber que o pai pode estar fazendo denúncias falsas ainda por cima, sem se dar conta irá nas inúmeras consequências pós traumáticas que irá desenvolver na vida da criança. Lamentável.

Justiça seja feita
4 meses atrás

O negócio é o seguinte
Após conclusão do laudo e Marcos Vinicius for inocentado qual será A pena para quem fez a falsa denúncia?
Marcos correu risco de vida por causa da falsa denúncia
Alguém teve capacidade de ameaça até a filha dele de 4 anos de idade.
Eu clamo por justiça
Quem fez a falsa denúncia deve ter condenação pior que de um estrupador
A justiça deve pesar a mão contra esse cidadão que fez a falsa denúncia.
Nos queremos justiça

Tragico
4 meses atrás

A questão e se ele tiver alisado a menina ou algo do tipo Aiai já passei por uma situação assim e muito triste .E ninguém acreditou em mim eu tinha 8 anos minha vida virou um inferno eu tive que sair da escola .

Loira
4 meses atrás

KD o conselho tutelar ???
E psicóloga pra essa criança ??

ALERTA
4 meses atrás

Gente, não significa que se caso o hímen não foi rompido que de fato não tenha acontecido o estupro.

A notícia é clara, fala que não houve o rompimento mas não fala que não ocorreu o estupro. Apenas isso!

Última edição 4 meses atrás by ALERTA
Justiça
4 meses atrás
Resposta para  ALERTA

Não vem apoia ele não você é da mesma raça dele se o não hove rompimento não ouve estrupo

Justiça
4 meses atrás
Resposta para  ALERTA

Larga de se burro se não ouve rompimento não tem estripo seu lixo

Justiça seja feita
4 meses atrás
Resposta para  ALERTA

Mais prova que tem mentira no meio a menina falou que ouve penetração na vagina e no anus

Justiça
4 meses atrás
Resposta para  Justiça seja feita

Pio

Justiça
4 meses atrás
Resposta para  Justiça seja feita

I como ne se o laudo perisio não mente deu negado não adianta apoia o pai da menina não ele foi erado justiça nele

Gabiru
4 meses atrás
Resposta para  Justiça

Vai estudar, filhão! Pesquise o que é himem complacente!

Artigos relacionados

Últimas Notícias