Mãe de 33 anos não resiste após ter parto antecipado para se tratar da Covid-19, em Patos de Minas

Ela foi internada grávida para se tratar da Covid-19 e chegou a ter o parto antecipado para salvar a bebezinha

Familiares e amigos estão sentindo a perda de mais uma pessoa muito querida em Patos de Minas. Jussara Cristina Silva de Morais de apenas 33 anos acabou falecendo nessa quarta-feira (17) quando estava internada no Hospital Regional. Ela foi internada grávida para se tratar da Covid-19 e chegou a ter o parto antecipado para salvar a bebezinha.

De acordo com familiares que entraram em contato com o Patos Hoje, ela esteve internada desde o mês de fevereiro com covid-19. Primeiro, ela foi para o Hospital de Campanha, mas a situação se agravou e ela foi levada para o Hospital Regional. Quando estava com 33 semanas, os médicos decidiram realizar a cesárea e fazer o parto da criança ainda em fevereiro.

Após isso, Jussara foi entubada e permaneceu enfrentando a doença até essa quarta-feira (17). Bastante sentidos, familiares prestaram suas últimas homenagens. “Jussara era uma pessoa muito dócil, de uma alegria e sorriso contagiantes”, disseram. Ela deixa o marido Henrique, uma filha de 17 anos e a bebezinha.

Publicidade
Supermercado Líder - Corrida Premiada

Os familiares e as amigas ficaram muito sentidos com a perda. “Ela era uma pessoa muito carinhosa, nós a amávamos muito”, destacaram. Eles ressaltaram que a bebezinha está bem.


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários

Artigos relacionados

Últimas Notícias