Moradora de Santa Luzia reclama das condições da estrada e cobra providências em João Pinheiro

Terezinha de Jesus da Silva deu entrevista à redação do JP Agora e contou que o ônibus escolar está enfrentando dificuldades para buscar todos os alunos por conta da estrada ruim

A redação do JP Agora foi procurada por Terezinha de Jesus da Silva, moradora do distrito de Santa Luzia, para que suas reclamações a respeito da estrada que da acesso a comunidade de Santa Luzia fossem ao ar como forma de protesto e também para que as autoridades tomem providências. Segundo a mulher, o ônibus escolar não está fazendo seu trajeto completo em razão das péssimas condições da estrada.

Terezinha contou à nossa reportagem que a estrada está muito ruim e que até mesmo o motorista do ônibus escolar, profissional competente e experiente, está com receio de transitar pelo local e está deixando de fazer seu trajeto completo para não correr riscos.

“A estrada está muito ruim. O ônibus escolar não está chegando aqui na fazenda. Ele atola, é muito grande. Então, não está vindo aqui em baixo para buscar o aluno. O motorista já relatou que tem medo porque se o ônibus cair dentro desses buracos pode matar os alunos e o motorista” contou Terezinha à redação do JP Agora.

Publicidade
Supermercado Líder - Corrida Premiada

A moradora do distrito de Santa Luzia relatou que já procurou a prefeitura, mas nenhuma providência foi tomada. Além dos problemas com a estrada, Terezinha sofre com a enxurrada das chuvas invadindo sua residência. O problema, segundo ela, acontece em razão de uma obra realizada no distrito de Santa Luzia que prejudicou o escoamento das águas.

“Minha casa encheu de água. A terceirizada da prefeitura que arrumou o asfalto de Santa Luzia arrancou o cano que corria a chuva e não arrumou outro, por isso a enxurrada invadiu minha casa. Já cobrei da prefeitura, mas nenhuma providência foi tomada” reclamou a mulher.

A reclamação de Terezinha foi publicada pelo JP Agora e, até o momento, nenhuma providência foi tomada. Seguiremos acompanhando o caso.

4 COMENTÁRIOS


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


4 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Povo sem informacao
1 mês atrás

Se mexer nessa estrada em época de chuva aí nao passa é nada mesmo, tem q esperar estiar as águas pra arrumar a estrada pessoal. Qualquer estrada q colocar máquina pra arrumar nessa época de chuva vira só atoleiro

Observação
1 mês atrás

O vídeo não era pra mostrar uma estrada esburacada e cheia de defeito, só filmou a vegetação do lado direto da estrada, não deu pra ver nada da estrada até pq o lugar q estavam filmando estava muito normal por ser epoca de chuva, pode observar q não tiveram dificuldade nenhuma em transitar fazendo a filmagem

José Roberto Duval Lucio
1 mês atrás

Boa tarde
Aqui na Rural Minas II tem uma parte da estrada que também está precisando de manutenção. Se a prefeitura tivesse um cronograma de manutenção dessas estradas antes do período chuvoso não teria problema, mas não fazem a coisa certa, então temos que cobrar. Enquanto não asfaltam temos que conformar.
Não podemos é deixar de cobrar.

AH NÃO, DE NOVO NÃO, ESSE ANO NÃO...
1 mês atrás

OH TEREZINHA, OH TEREZINHA, ESTÁ NA HORA DE VOCÊ ENTRAR NA LINHA.

OH TEREZINHA, OH TEREZINHA, ESTÁ NA HORA DO CLUBE DO CHACRINHA.

QUEM QUER BACALHAU, OIIIIII…

QUEM QUER ABACAXI, OIIIIII…..

QUEM QUER BANANA, OIIIIII….

QUEM QUER ESTRADA RUIM, QUE NÃO SERVE PRA NADA, OIIIII…..

QUEM QUER POLÍTICA QUE NÃO SERVE PRA NADA, OIIIII…..

Artigos relacionados

Últimas Notícias