Mulher inventa estupro e roubo em Patrocínio e acaba presa após colocar PM à procura dos supostos criminosos

Os policiais fizeram diversos levantamentos até descobrirem que tudo era mentira

Uma mulher de 42 anos acabou presa na última segunda-feira (01) em Patrocínio após inventar que havia sido estuprada e roubada por dois criminosos. Depois de vários levantamentos, a PM descobriu que a história se tratava de falsa comunicação de crime.

De acordo com o apurado pelo JP Agora com a Ascom do 46º BPM, a mulher acionou a Polícia Militar por volta das 06:00 horas na Rua Dr. Joaquim Otávio de Brito, no Bairro Cidade Jardim. Supostamente abalada, ela contou que havia sido vítima de roubo e estupro durante a noite do dia anterior.

Segundo a mulher, ela foi violentada por dois homens em um veículo prata, sem maiores dados. De posse das informações, a PM iniciou os levantamentos, trabalhos que duraram o dia inteiro. Já no fim da tarde, a PM descobriu que as informações repassadas eram falsas e que os crimes não haviam acontecido de fato. A ASCOM não divulgou, no entanto, o que levou a esta conclusão.

Por conta disso, a mulher foi presa em flagrante por comunicação falsa de crime.

2 COMENTÁRIOS


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


2 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Dalvinha
3 meses atrás

Pode que era o sonho dela ser presa kkk

Helvécio
3 meses atrás

Tem pessoas que brincam com coisas seria e sabem que da problemas para esse tipo de comunicação falsa ela pensou que iria enganar a policia se lascou

Artigos relacionados

Últimas Notícias