Publicidade
Atendimento emergencial OdontoCompany João Pinheiro
Publicidade
InícioCidadeMulher que levava droga escondida na vagina para marido preso é condenada...

Mulher que levava droga escondida na vagina para marido preso é condenada por tráfico em João Pinheiro

Caso aconteceu em setembro de 2017 no presídio de João Pinheiro

Publicado em

Uma mulher de 29 anos de idade condenada por tráfico por levar drogas dentro do seu canal vaginal para o marido que estava preso no presídio de João Pinheiro foi alvo de mandado de prisão no último sábado, 05 de novembro. O caso aconteceu em setembro de 2017 e estava pendente de julgamento de recursos.

Publicidade
WN Telecom - Publicidade

O JP Agora apurou que a mulher foi abordada pela PM por volta das 19 horas de sábado (05) no Bairro Santa Cruz. Ela respondeu por tráfico de drogas porque foi flagrada quando tentava entrar com cerca de 20 gramas de maconha no presídio de João Pinheiro em setembro de 2017. A droga, transportada dentro do seu canal vaginal, seria entregue a seu marido durante uma visita íntima.

A reportagem apurou, ainda, que a mulher já possuía outra condenação por tráfico na data do seu julgamento, que resultou na pena de 06 anos, 09 meses e 20 dias de reclusão e 680 dias-multa, no regime inicial semi-aberto. O recurso para a segunda instância foi julgado em 2019 e a sentença foi mantida. O JP Agora não conseguiu apurar, no entanto, se a mulher recorreu para a instância superior.

Publicidade
Pop Pet Center em João Pinheiro

O mandado de prisão foi cumprido e a mulher foi levada até a Delegacia de Polícia Civil, onde foi apresentada ao delegado para providências futuras.

Comentários


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


Publicidade
3 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Rafael
17 dias atrás

Nome ???

A VERDADE SEJA DITA
17 dias atrás
Resposta para  Rafael

Ô SEU EDITOR, “VISITA ÍNTIMA” É O QUÊ?

ÁH TÁ, ELES IAM BRINCAR DE MÉDICO.

NÃO DEU FOI TEMPO DO “DOUTOR” DESCOBRIR QUE A “PACIENTE” ESTAVA GESTANTE DE UNS 04 MESES JÁ, MAS QUE IA TER QUE REALIZAR O PARTO ALI MESMO. NA CELA DE VISITA ÍNTIMA.

SÓ NO BRASIL MESMO, QUE PRESO TEM DIREITO ATÉ DE …

ÁH CONTROVÉRSIAS...
17 dias atrás

SEGUNDO COMENTÁRIOS DE QUEM TAVA LÁ NA HORA DA ABORDAGEM, O PROBLEMA FOI QUE “BATEU UMA BRISA” NA HORA QUE ELA TENTOU PASSAR NO PARLATÓRIO.

AÍ, CHAMARAM UM CÃO FAREJADOR DE NARCÓTICOS PARA INDICAR ONDE ESTAVA O “OBJETO ILÍCITO”.

DIZEM QUE O BICHINHO VEIO E CHEIROU, CHEIROU, CHEIROU E FICOU DOIDÃO, QUERENDO “PARTIR PRA CIMA” DA SUSPEITA.

FOI QUANDO OS GUARDAS FICARAM NA DÚVIDA, SE ERA “FLAGRANTE”, OU SE A FULANA TAVA NO CIO.

Publicidade

mais artigos