InícioCidadePinheirenses correm para os supermercados, mas são proibidos de comprarem bebidas alcóolicas

Pinheirenses correm para os supermercados, mas são proibidos de comprarem bebidas alcóolicas

As vendas foram interrompidas assim que a norma foi publicada

Publicado em

A publicação do Decreto Municipal 046/2021 proibindo a venda de bebidas alcóolicas e instituindo a lei seca em João Pinheiro no final da tarde dessa sexta-feira (19) provocou uma corrida aos supermercados da cidade. Mas, pelo menos nos estabelecimentos maiores, a busca foi em vão. As vendas foram interrompidas assim que a norma foi publicada.

A proibição da venda de bebidas alcóolicas valerá até o dia 28 de fevereiro, podendo ser estendida ou reduzida. A medida é uma tentativa de conter o aumento no número de casos de Covid-19 em João Pinheiro. Só nessa quinta-feira (18), o município registrou 30 novos casos. Todos os leitos de UTI estão lotados.

A Prefeitura pede a colaboração da população. O descumprimento das normas pode ser denunciado na ouvidoria, vigilância sanitária e para a Polícia Militar.

Veja o decreto na íntegra

Comentários


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


13 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Kkk
1 ano atrás

Melhor coisa q o prefeito fez parabéns

Capitão do exército
1 ano atrás

Depois do decreto de proibição a população aglomerou mais nos mercados e bares para poder comprar, pode esperar uma pancada de casos nos próximos dias.

waleska Gonzaga da Silveira
1 ano atrás

Muito bem antes ficar 10 dias sem bebida do que correr risco de perder membros querido.

Indignada
1 ano atrás

Isso tbm vale pro jk?

Júlio
1 ano atrás
Resposta para  Indignada

É para todo o município!

Filhos da anarquia
1 ano atrás

A solução é Quaresmar .

Tomas Turbano
1 ano atrás

Neiro no aeroporto está vendendo o resto do estoque dele. Corre lá!

Geraldo
1 ano atrás

Pura mentira passei as 15hs no sant”hus pra comprar agua la tava vendendo

Pe de cana
1 ano atrás

Kkkkk comédia, dúvido se, com a proibição de bebidas…..vai diminuir o vírus……se não as fechar o comércio engeral……e colocar toque de recolher….ou colocar as pessoas a rua…..um dia dos ímpares um dia dos pares ……com o número de mês de nascimento ….. janeiro ímpar , fevereiro par……e assim por diante……sair de casa só para o essencial …….aí duvido se num acaba esse vinho…..vou até beber uma hoje pra comemorar o decreto

Júlio
1 ano atrás
Resposta para  Pe de cana

Vai diminuir aglomerações! Esse é o objetivo!

Zé do caixão
1 ano atrás

Uai mais o álcool protege não entendi a proibição de venda de bebidas alcoólicas

Baltazar Alves da Silva
1 ano atrás

Alem de ficar em casa aunda não se pode beber, gostaria de saber pq?

Tiago Porto
1 ano atrás

Grampao tem para vender

mais artigos