InícioCidadePolícia Civil prende homem que deixou a ex em coma em tentativa...

Polícia Civil prende homem que deixou a ex em coma em tentativa de feminicídio ocorrida em Brasilândia de Minas

Mandado de prisão foi cumprido no final da tarde desta terça-feira em Três Marias

Publicado em

Zaqueu Borges da Silva, que confessou ter tentado matar a ex-companheira Bárbara Michele com golpes de faca e tijoladas na cabeça no dia 07 de dezembro em Brasilândia de Minas, foi preso no final da tarde desta terça-feira, 10 de janeiro. A Polícia Civil cumpriu o mandado de prisão em Três Marias, onde ele estava homiziado em casa de parentes.

Um dia depois do crime, Zaqueu compareceu espontaneamente à presença do delegado e confessou as agressões, mas acabou solto porque não havia mais flagrante. Agora, ele foi preso preventivamente por determinação judicial e deverá aguardar o decorrer do processo preso até que seja finalmente julgado pelo Tribunal do Júri ou até que sobressaia nova decisão determinando sua soltura.

Homem é preso suspeito de tentativa de feminicídio contra ex-companheira em Brasilândia de Minas
Foto: JP Agora

O Delegado responsável pela prisão falou à imprensa, dando detalhes sobre o caso. “O suspeito compareceu à Delegacia, confessou, entretanto, a confissão por si só, não é suficiente para uma condenação, pedido de prisão. A delegacia de João Pinheiro fez diligências investigativas e, por meio de trabalho técnico, conseguimos hoje coletar diversos elementos de informação que culminaram na sua prisão preventiva no dia de hoje e o cumprimento de três mandados de busca e apreensão na cidade de Brasilândia de Minas” disse o Delegado Danniel Pedro à reportagem do JP Agora.

Segundo o Dr. Danniel, assim que os investigadores chegaram em Brasilândia de Minas, souberam que Zaqueu havia fugido para Três Marias e, imediatamente, a Polícia Civil daquela localidade foi comunicada, conseguindo localizar e prender o agressor de Bárbara.

“É um crime bárbaro que será severamente investigado e punido. Vamos encaminhá-lo para o presídio de João Pinheiro e ele vai ser levado à justiça. Nós conseguimos identificar que ele estaria em Brasilândia e depois soubemos que ele estava em Três Marias. Tínhamos uma equipe preparada nas duas localidades” destacou o delegado à imprensa.

O crime

No dia da brutal agressão, a mãe de Bárbara conta que Zaqueu esperou sua filha sair do serviço para agredi-la e a brutalidade das agressões deixou sua filha em coma.

“Ela levou tijolada na cabeça, e levou várias facadas, ele bateu muito na cabeça dela, ela estava desacordada quando foi socorrida. Ela estava saindo do trabalho e ele pegou ela e fez isso”, lamentou a mãe de Bárbara.

Vítima saiu do coma e apresenta melhoras

O JP Agora entrou em contato com a família de Bárbara nesta terça (10) para saber sobre o atual estado de saúde dela. Segundo informado, a vítima saiu do coma, já está falando e andando, mas apresenta sequelas intelectuais.

“A mente dela está como se fosse uma criança. Devagar vamos seguindo, pedindo bastante ajuda com orações e doações de alimentos porque agora ela precisa se alimentar com alimentos mais líquidos, não pode comer qualquer coisa. Ela dá crises de nervoso às vezes, toma o remédio e dorme” disse um familiar de Bárbara à reportagem do JP Agora.

Caso você leitor quiser ajudar a família de Bárbara no tratamento, faça um PIX para a chave (38) 9.9825-2819.

Comentários


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


4 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Rosa do deserto
23 dias atrás

O ki deixa revolta na gente e ki esse monstro precisa de flagrante pra apodrecer na cadeia tomara ki os prezos ti dê uma recepção lá na cadeia covarde ki bate em mulher não tem vez lá vc vai aprender a ser homem vagabundo

Saidão
22 dias atrás
Resposta para  Rosa do deserto

Vai ser bem recepcionado🔪🤜🫣🤛👹 o IML te aguarda

Irônico
22 dias atrás

Parabéns a Polícia Civil pelo êxito na apreensão e que ele pague c maior rigor da lei. Tentativas de feminicídio deveriam se tornar crimes hediondos!

Esclarecimento
21 dias atrás
Resposta para  Irônico

Feminicídio tentado e consumado é crime hediondo.

mais artigos