Polícia Rodoviária Federal reforça efetivo para feriado prolongado de Tiradentes

Policiamento nas estradas federais se estenderá por quatro dias

A partir das 0h01 de amanhã, quinta-feira (21), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) volta a atuar em regime especial, na Operação Tiradentes 2022, que vai intensificar o policiamento nas estradas federais durante os quatro dias de feriadão.

Como em todos os anos, a PRF estará com efetivo reforçado em pontos estratégicos de maior incidência de acidentes graves e criminalidade. Os policiais também farão ações de prevenção para condutas de risco, como ultrapassagem indevida, embriaguez ao volante e não utilização do cinto de segurança.

Durante as operações em feriados costumam se intensificar também as fiscalizações para recuperar veículos roubados e apreender armas ilegais, drogas e outras mercadorias ilícitas.

Neste feriado de Tiradentes, não haverá restrição de veículos de carga com dimensões ou pesos excedentes. Em todos os estados brasileiros, os veículos poderão circular livremente, todos os dias, a qualquer hora, informa a PRF.

A corporação reforça o pedido para que as pessoas usem cinto de segurança e cadeirinha para o transporte de crianças, respeitem os limites de velocidade e ultrapassem com prudência. A PRF pede ainda que pessoas sem carteira de motorista ou embriagadas não dirijam.

No feriado de Páscoa, na semana passada, a Operação Semana Santa registrou queda de 50% no registro de acidentes graves (com ao menos um morto) nas estradas federais, em relação ao ano anterior.

Também foi contabilizada queda de 71% no número de feridos, que caíram de 235 para 92, de ano a ano. O número de mortos, contudo, aumentou 32%, com o registros de 53 vítimas de acidentes neste ano.


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários

Artigos relacionados

Últimas Notícias