Publicidade
Só Vem OdontoCompany - 4000 pinheirenses cuidando do sorriso aqui
Publicidade
InícioDestaqueSequência de aumentos na gasolina fazem com que litro seja encontrado por...

Sequência de aumentos na gasolina fazem com que litro seja encontrado por R$ 8,39 em Minas Gerais

Preço médio cobrado pelo combustível caiu R$ 0,04 em um mês; no caso do etanol, litro pode ser encontrado por R$ 6,89

Publicado em

Após mais um anúncio de aumento no preço do diesel pela Petrobras na segunda-feira (9), os valores encontrados pelo motorista nos postos de abastecimento seguem a tendência em Minas Gerais. Por um lado, o litro do combustível aumentou R$ 0,40 no atacado, mas em um mês, o preço máximo da gasolina no Estado aumentou R$ 0,20, chegando a R$ 8,39 na segunda semana de maio. Os dados são da Agência Nacional do Petróleo (ANP).

Publicidade
Sicredi - Unidade inaugurada em João Pinheiro

Até o dia 23 de abril, segundo o órgão, a média da gasolina em Minas era de R$ 7,60, e nesta semana, recuou para R$ 7,56. A pesquisa encontrou o mesmo preço mínimo cobrado pelo litro – R$ 7,19, e por mais que o preço máximo tenha caído na comparação com a semana anterior, houve 2% de aumento em relação a três semanas antes.

Etanol

Publicidade
Nossa equipe está pronta para te atender - POP Pet Center João Pinheiro

Por sua vez, o etanol hidratado apresentou variações diferentes. No mesmo período, o preço médio do combustível caiu 2%, chegando a R$ 5,51. O valor mínimo cobrado pelo litro caiu de R$ 5,09 para R$ 4,85, mas o preço máximo subiu R$ 0,10, passando de R$ 6,79 para R$ 6,89.

Comentários


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


Publicidade
0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários

mais artigos