Vendedora ambulante invade residência e furta mais de R$2 mil do bolso de idoso em João Pinheiro

O idoso contou que a mulher entrou em sua casa sem autorização depois de tentar vender roupas

Na tarde da última terça-feira (06), um idoso de 81 anos morador do Bairro Esplanada foi vítima de furto e acabou ficando no prejuízo de mais de R$2.000,00 (dois mil reais) em João Pinheiro. O crime foi cometido por uma suposta vendedora ambulante, que abordou a vítima tentando vender roupas. Ninguém foi preso até o momento.

A equipe de reportagem do JP Agora conseguiu apurar que o homem mora sozinho e estava sentado na calçada de sua residência na tarde de ontem, 06 de julho, quando foi abordado por um casal de vendedores ambulantes, que estavam em uma pick-up branca. Uma mulher desceu do veículo e ofereceu roupas para o idoso. Enquanto isso, o homem que dirigia o veículo arrancou e saiu do local.

O idoso, então, recusou a oferta e entrou em casa, momento em que ele teria sido seguido pela mulher. Já na sala da residência, a mulher levou a mão no bolso da calça do homem e pegou a carteira, furtando R$2.500,00 (dois mil e quinhentos reais). A suspeita teria deixado para trás a quantia de R$150,00 (cento e cinquenta reais) na carteira e a devolveu. Depois, fugiu tomando rumo ignorado.

A polícia foi acionada e registrou a ocorrência como furto. Rastreamentos foram feitos, mas ninguém foi preso até o fechamento da reportagem.

3 COMENTÁRIOS


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


3 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Galo Doído
10 meses atrás

Sei não??História mal contada, pegou a carteira no bolso, tirou o dinheiro, devolveu a carteira deixando 150 reais, e o senhor não gritou pedindo socorro, correu atrás da mulher, deu uma paulada na cabeça dela sei lá, e uma história muito estranha para meu modo de ver.???????????

maaper
10 meses atrás

Devem ser ciganos

Osmar Couto
10 meses atrás

pode ser aquelas as mulheres que vende tolhas pamonha mesa finge que tá doente

Artigos relacionados

Últimas Notícias