19 C
João Pinheiro
quarta-feira, maio 5, 2021

Vereador do PT em Minas abre caixão lacrado com facão: ‘Isso aqui não é Covid’

Idoso morreu por insuficiência respiratória aguda, um dos sintomas de coronavírus, mas sem diagnóstico

Wilian Faria (PT), vereador da pequena cidade de Santa Bárbara do Leste, localizada na Zona da Mata mineira, causou espanto nas redes sociais após abrir, com a ajuda de um facão, o caixão de um idoso que havia morrido com suspeita de coronavírus. De acordo com o parlamentar, foi uma falta de respeito a vítima não ter tido velório, já que não havia comprovação de que estaria com a doença.

Entenda

José Vieira do Carmo, de 92 anos, deu entrada no hospital Casu – Hospital Irmã Denise, em Caratinga, na mesma região, com sintomas gripais. Infelizmente, ele morreu na madrugada desse domingo (25).

Conforme sua filha, de 32 anos, contou à polícia, a família acionou uma funerária para que o corpo fosse retirado da unidade hospitalar e fossem feitos os serviços de praxe. Na manhã daquele dia, o caixão chegou ao cemitério municipal de Santa Bárbara do Leste todo lacrado, como se o idoso tivesse suspeita ou confirmação de coronavírus.

Entretanto, em seu atestado de óbito, não havia nenhum dado a respeito de Covid-19. O fato gerou a indignação de familiares, que não puderam se despedir do ente de uma maneira “digna” e, no caso, também do vereador da cidade, que tem aproximadamente 8 mil habitantes. Ele foi ao local e abriu o caixão para confirmar que havia um corpo lá, mas nenhuma informação sobre a doença.

“Isso aqui não é Covid. Isso aqui é financeiro. Cadê a coroa de flores desse cidadão? Você está vendo porque não querem que abram os caixões? Isso aqui é uns desrespeito com o ser humano”, disse Faria. Veja:

Versão

Conforme o dono da funerária disse à Polícia Militar, quando seus funcionários foram buscar o corpo no hospital, este já estava embalado e lacrado, conforme normas do Ministério da Saúde, já que ele morreu com sintomas que poderiam ser de Covid-19. Portanto, a empresa não poderia fazer nada a respeito, apenas entregar o caixão no cemitério.

Segundo a enfermeira chefe do hospital Casu, o idoso deu entrada no local, vindo da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Caratinga, já intubado e com sintomas de coronavírus. Teria sido feita a coleta para exame de diagnóstico, mas como o resultado não ficou pronto a tempo, ele precisou ser tratado como caso suspeito.

Sobre no atestado de óbito não estar escrito isso, apenas insuficiência respiratória aguda, de acordo com orientações do governo federal e da Vigilância Sanitária é necessário fazer o isolamento do corpo para não ter risco de contaminação.

Investigação

O presidente da Câmara Municipal de Santa Bárbara do Leste, Altair do Silon (MDB), afirmou nesta segunda-feira (26) que a Casa irá abrir uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar o ato do vereador. Ele classificou a atitude como lamentável,

“A Câmara Municipal esclarece que a conduta do vereador será devidamente investigada por uma CPI”, afirmou. “Tão logo o processo seja concluído, daremos um maior esclarecimento sobre as medidas adotas em razão deste lamentável evento”, completou o presidente.

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) deve investigar o caso. Como Wilian Faria rompeu o lacre do paciente que pode ter morrido por Covid-19 na presença de diversas pessoas, ele poderá responder pelos crimes de infração de medida sanitária preventiva e violação de urna funerária.

FonteO Tempo

1 COMENTÁRIO


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


1 Comentário
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Cidadão Pinheirense
8 dias atrás

Gente do PT, fazendo coisa de gente do PT. Vilipendiando a sepultura de um idoso, simplesmente para se valer da situação, agindo me maneira tosca, colocando em risco a saúde de todos que o cercam, simplesmente para fazer um espetáculo próprio. A morte é inevitável, e vem a todos. Não é justo um energúmeno deste, utilizar da fragilidade dos familiares, para se enaltecer “politicamente”. Merece ser punido, principalmente na esfera administrativa da casa do legislativo de sua cidade.

Artigos relacionados

data-matched-content-ui-type="image_card_stacked"

Últimas Notícias