InícioCidadeVítimas de atropelamento relembram o susto em João Pinheiro: “a roda passou...

Vítimas de atropelamento relembram o susto em João Pinheiro: “a roda passou perto da minha cabeça”

Questionado, a motorista de 68 anos relatou que saía com seu veículo

Publicado em

O atropelamento ocorrido em João Pinheiro no dia 16 de junho ganhou destaque nacional depois que o caso foi noticiado pelo G1. Em entrevista, as vítimas Carlos Eduardo dos Santos Azevedo, de 19 anos, e Maraiza da Silva Prado, de 33, relembraram o susto.

Carlos e Maraiza contaram que estavam sentados na calçada em frente ao supermercado onde trabalham quando foram surpreendidos pelo veículo desgovernado. A cena chocante foi registrada em vídeo e, apesar do susto, os dois não ficaram feridos com gravidade. Carlos sofreu escoriações e Maraiza precisou de quatro pontos nas costas.

“Eu tenho três filhos. Na hora do acidente eu só pensei neles. Acidentes acontecem, mas agora acho que fica um certo trauma”, relembra Maraiza.

Para a PM, a motorista relatou que não se lembra do que aconteceu e que estava saindo com o veículo quando acabou acelerando e batendo nas vítimas, que foram socorridas pelo Samu até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

“Eu achei que iria morrer. Ao ver as imagens é possível ver que a roda do carro passa bem perto da minha cabeça. Foi por pouco. Estou de atestado, sinto muitas dores no corpo”, diz Carlos.

As vítimas relataram, por fim, que não prestaram queixa contra a motorista. Ela fez o teste do bafômetro, que deu negativo, e não quis se pronunciar quando foi procurada pelo g1. Maraiza disse que foi contatada pela mulher, mas Carlos ainda não recebeu o pedido de desculpas que considera necessário.

“Ela não me disse nada. Eu queria pelo menos um pedido de desculpas, que ela explicasse o que aconteceu. Graças a Deus, não aconteceu nada, mas eu poderia ter morrido”, finalizou Carlos.

FonteG1
Assinar
Notificar

Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


2 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Raquel
1 mês atrás

Quem e a motorista?

...
1 mês atrás

Pois deveriam fazer um boletim de ocorrência sim… é o básico pra resguardar qualquer coisa no futuro.