Câmera flagra momento em que criminoso invade residência e furta TV na Ruralminas, em João Pinheiro

Em entrevista para a redação do JP Agora, a moradora reclamou da inércia da polícia para resolver a situação

Na quarta-feira da semana passada, 14 de julho, a residência de uma moradora da Rua das Acácias, em Ruralminas, foi invadida por um criminoso armado com um pedaço de madeira. O circuito interno da casa flagrou toda a ação, mas o caso segue sem solução e a vítima cobra providências.

O JP Agora entrevistou Betiane, conhecida como Bia. Com 41 anos de idade, ela mora na residência há apenas dois meses e se sente triste por já ter sido vítima de furto em tão pouco tempo. A mulher contou, ainda, que suspeita que o criminoso sabia da rotina dela e do marido, já que escolheu um horário que não tinha ninguém em casa.

As câmeras de segurança da residência flagraram o momento em que o homem entra na casa depois de pular o muro por volta das 16:30 horas. Ele usa o telhado de um cômodo recém construído para facilitar a entrada e a saída. Armado com um pedaço de madeira, o criminoso ainda agrediu o cachorro de Bia antes de ir embora levando uma SmartTV Philco.

Publicidade
Colégio Darcília Coímbra João Pinheiro - Matrículas Abertas

“Ele entrou na minha casa pelos fundos com um pedaço de pau na mão e agrediu meu cachorro, revirou minha casa todinha e foi embora levando minha SmartTV de 42 polegadas. O indivíduo sabia o que queria, sabia o que poderia encontrar aqui e sabia dos nossos horários” explicou a vítima, revoltada com a situação.

Apesar das câmeras terem flagrado a ação do criminoso, a sua identificação ficou prejudicada porque ele usou uma camiseta amarrada ao rosto. Por isso, apesar das suspeitas da moradora, o homem ainda não foi identificado. O boletim de ocorrência foi registrado, mas, até então, nenhuma providência foi tomada, segundo a versão apresentada pela mulher ao repórter do JP Agora.

5 COMENTÁRIOS


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


5 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Parque das andorinhas
4 meses atrás

Tem um tal de (FROTA) que tá roubando demais por aqui tá passando da hora de cancelar o cpf dele safado

Maicon
4 meses atrás

Tem que pegar um cara desse e corta as mãos,quero ver roubar de novo

Por ai
4 meses atrás

O meliante tá mais perto do q se imagina

Falta de conhecimento jurídico
4 meses atrás

Não sei se tá faltando conhecimento pra vítima ou pro redator do Jp agora, mas se o fato foi em 14/07 esse cara não está mais em flagrante, pois não houve perseguição ininterrupta, então mesmo que a polícia saiba quem é bandido não tem como ir lá e prender ele, seria uma prisão ilegal. Agora se a vítima sabe quem é o autor ela tem que levar essas informações para o delegado de polícia, para subsidiar o inquérito policial e uma posterior ação penal, sendo assim responsabilizado pelo fato e talvez até preso através de mandado de prisão.

Boina preta
4 meses atrás

Concordo com vc. Mais sao palavras dificeis que a justiça tem. Pra deixar o vagabundo solto e cometendo mais e mais crimes

Artigos relacionados

data-matched-content-ui-type="image_card_stacked"

Últimas Notícias