Publicidade
Anúncio: J3 Ar Condicionado em João Pinheiro - Manutenção, Higienização e Instalação de Ar de todas as marcas
Publicidade
InícioEducaçãoFCJP fecha parceria com a Receita Federal e inaugura Núcleo de Apoio...

FCJP fecha parceria com a Receita Federal e inaugura Núcleo de Apoio Contábil e Fiscal em João Pinheiro

Cerimônia aconteceu no dia 03 de novembro na sede da Faculdade Cidade de João Pinheiro e contou com a presença de várias autoridades no assunto

Publicado em

A Faculdade Cidade de João Pinheiro e a Receita Federal de Uberlândia – MG fecharam uma importante parceria no dia 03 de novembro de 2021. Trata-se de acordo para implantação do Núcleo de Apoio Contábil e Fiscal (NAF) em João Pinheiro, localizado na sede da FCJP e que já está em pleno funcionamento.

Publicidade
WN Telecom - Publicidade

O ACT foi assinado no dia 03 de novembro na FCJP. Participaram da solenidade o delegado da Delegacia da Receita Federal de Uberlândia, o auditor fiscal Eduardo Antônio Costa, o assistente-técnico administrativo da receita Elianderson Carneiro Fernandes, o Diretor de Finanças Paulo César Segundo de Sousa, a diretora acadêmica Daniela Cristina Souza Borges, o coordenador dos cursos de ciências contábeis e administração Unilson Gomes Soares, os professores Renata Suzelli de Souza Gonçalves e Bráulio Emílio Maciel Faria, a assistente administrativa Camila Gonçalves de Souza e Laisa Graciele Vieira Alves, Secretária Acadêmica da FCJP.

Ainda no dia 03, o NAF foi apresentado para a comunidade acadêmica em evento on-line, das 19 às 21 horas. O objetivo da Receita Federal com a implantação do NAF é promover uma melhor qualificação dos futuros profissionais de contábeis, disponibilizar a prestação de serviços fiscais a contribuintes carentes e desenvolver a moral tributária e a cidadania na sociedade.

Publicidade
Banho e tosa para seu Pet - POP Pet Center João Pinheiro

O NAF traz benefícios para todos os parceiros envolvidos no projeto: a Receita Federal, a sociedade, a instituição de ensino e os alunos. A Receita Federal dissemina o conhecimento fiscal, contribuindo para a diretriz internacional de melhoria contínua de programas de assistência tributária. Os contribuintes que não têm acesso ao serviço de um escritório de Contabilidade conseguem obter orientação contábil e fiscal de forma gratuita. Os estudantes chegam melhor capacitados ao mercado de trabalho. E as instituições de ensino formam melhores profissionais e aumentam o envolvimento com a comunidade.

“A implantação do NAF – Núcleo de Apoio Contábil e Fiscal – para a FCJP é uma parceria que trará grandes benefícios aos nossos acadêmicos, proporcionando aos mesmos a aplicação dos conhecimentos adquiridos na prática, mantendo-se atualizados e familiarizados com a área de sua profissão e ainda a possibilidade de estar próximo daqueles que necessitam de informações que sejam úteis, práticas e que atendam às suas necessidades. Ganham com essa parceria, a Faculdade, seu corpo docente e discente e a comunidade pinheirense, que receberá esse projeto de braços abertos”, declarou o coordenador do curso de Ciências Contábeis da FCJP, Unilson.

Publicidade

Para o Delegado auditor-fiscal Eduardo Antônio Costa, o acordo de cooperação técnica entre a Receita e a FCJP vai proporcionar aos alunos e professores acesso a uma qualificação profissional diferenciada através de treinamentos ofertados pelos instituidores da própria Receita Federal.

“OS alunos poderão realizar atendimentos à população carente e ao microempreendedor individual (MEI), visando colocar em prática, em prol da sociedade, o conhecimento adquirido. Reforçamos que o principal objetivo do NAF é contribuir para a melhor formação do futuro contador. Por isso, é necessário alinhar teoria e prática na formação profissional, buscando sempre capacitar este aluno para o mercado de trabalho”, palavras do delegado da Receita Federal em Uberlândia, o auditor-fiscal Eduardo Antônio Costa.

Publicidade

Comentários


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


Publicidade
0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários

mais artigos