Marília Mendonça morre, aos 26 anos, após avião cair no interior de Minas Gerais; 4 pessoas também morrem na queda

Marília Mendonça não resistiu à queda do avião de pequeno porte em que viajava

A cantora Marilia Mendonça, de 26 anos, morreu, nesta sexta-feira (5), após sofrer um acidente aéreo nos arredores da cachoeira da Piedade, em Caratinga (MG). Os outros ocupantes também morreram. A informação foi confirmada pelo Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG).

“Com imenso pesar, confirmamos a morte da cantora Marília Mendonça, seu produtor Henrique Ribeiro, seu tio e assessor Abicieli Silveira Dias Filho, do piloto e copiloto do avião, os quais iremos preservar os nomes neste momento. O avião decolou de Goiânia com destino a Caratinga – MG, onde Marília teria uma apresentação esta noite. De momento, são estas as informações que temos.”, informou em nota a assessoria da cantora.

A aeronave era um bimotor Beech Aircraft, da PEC Táxi Aéreo, de Goiás, prefixo PT-ONJ, com capacidade para seis passageiros. Segundo a Anac, o avião está em situação regular e tem autorização para fazer táxi aéreo.

A Aeronáutica vai apurar as causas do acidente. Investigadores foram enviados para o local.

Veja a nota dos Bombeiros:

“O Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais informa que nesta sexta (5), ocorreu a queda de uma aeronave de pequeno porte, modelo Beech Aircraft, na zona rural de Piedade de Caratinga. O CBMMG confirma que a aeronave transportava a cantora Marília Mendonça e que ela está entre as vítimas fatais”.

O avião de pequeno porte caiu em uma área perto de uma cachoeira em Caratinga nesta sexta-feira (5). A aeronave é um bimotor Beech Aircraft, da PEC Táxi Aéreo, de Goiás, prefixo PT-ONJ, com capacidade para seis passageiros.

Por meio de nota, os bombeiros informaram que o chamado de socorro chegou por volta das 15h30. Além dos bombeiros, uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) atendeu à ocorrência.

Trajetória

Marília Mendonça era, atualmente, uma das maiores artistas do Brasil – responsável por fazer o feminejo, a música sertaneja cantada por mulheres, se popularizar no pais. A história da cantora começou quando ela tinha 12 anos, no papel de compositora.

Ela escreveu canções como Minha Herança, assinada em conjunto com Frederico; Vai Ter Balanga; É Com Ela Que Eu Estou, que foi gravada por Cristiano Araújo; Até Você Voltar; e Cuida Bem Dela – sucessos de Henrique & Juliano.

5 COMENTÁRIOS


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


5 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Sherlock Holmes
6 meses atrás

Anem gente. É muita sofrência um trem desses.

Agora vou pro boteco, encher a cara, meter o chifre no chão e sair arando…

Já tô é gritando, nem cantando mais…

ALÔ PORTEIRO, TÔ LIGANDO PRA TE AVISAR…

Vai deixar muitas saudades rainha.

Belks
6 meses atrás

Tava calor de mais que resolveram para na cachoeira pra refrescar kkkkk

Trevo9
6 meses atrás
Resposta para  Belks

Seu palhaço olha o que fala

Irônico
6 meses atrás
Resposta para  Trevo9

Mas no título fala que não ouve vítimas.

Fieldade
6 meses atrás
Resposta para  Belks

Q lindo! Vc no mínimo deve ser artista d circo né,o palhaço não sabe respeitar a dor do próximo…

Artigos relacionados

Últimas Notícias