Menino de 10 anos morre após cirurgia para extrair dente em Minas Gerais

Segundo as primeiras informações da Polícia Militar, a criança sofreu uma hemorragia bucal

Um menino de 10 anos morreu após passar por uma cirurgia para extração de um dente em uma clínica da cidade de Igarapé, na região metropolitana de Belo Horizonte, nesta segunda-feira (20). Segundo as primeiras informações da Polícia Militar, a criança sofreu uma hemorragia bucal e sangrou até morrer.

A clínica fica no centro de Igarapé. A Polícia Militar descobriu a morte, após um advogado entrar em contato com o 190 dizendo que a mãe da vítima estava muito exaltada e brigando com os funcionários do local.

Familiares de Anthony Bernardo disseram que pagaram o tratamento todo particular e que a dentista orientou que fosse feito um canal no menino, mas como a família não tinha condições de pagar pelo tratamento, a profissional orientou que o dente fosse extraído. 

A criança passou por vários exames antes do procedimento. Na hora da extração houve uma hemorragia bucal. A dentista, ainda segundo a família, não conseguiu conter o sangue e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e socorreu a criança até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da cidade. 

A Polícia Militar também foi acionada para a UPA onde familiares da criança tentaram agredir a dentista que fez o procedimento. Houve confusão e a profissional foi retirada da unidade de saúde. 

Criança chega sem vida a UPA 

Segundo a prefeitura de Igarapé, a criança já chegou sem vida a UPA. “A equipe médica da UPA tentou reanimar o menino, sem sucesso. De acordo com informações da Secretaria Municipal de Saúde, o serviço de ambulância do município foi acionado para resgate da criança às 12h, tendo imediatamente se deslocado e chegando à clínica odontológica que o atendeu às 12h13min encontrando-o já em estado de choque”, informou a prefeitura por meio de nota nesta segunda.

“Segundo a mãe do menor informou, ele foi submetido à extração de dente na clínica, que fica nocentro da cidade, nas proximidades da UPA. A administração municipal lamenta muito e se entristece com o ocorrido”, complementa a nota. 

A Polícia Civil informou que “assim que acionada, deslocou ao local equipe da perícia criminal e de policiais civis da Delegacia de Igarapé para realizar os primeiros levantamentos. O corpo da criança será removido ao Posto Médico Legal de Betim para se submeter aos exames cabíveis. A ocorrência encontra-se em andamento e outras informações serão prestadas em momento oportuno”. 

A reportagem do Jornal O Tempo não conseguiu contato com a clínica. 


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários

Artigos relacionados

Últimas Notícias