Prédio da Câmara Municipal de Brasilândia de Minas é interditado pela Defesa Civil do município

O local não corre risco de desabamento, mas foi interditado para evitar outros tipos de acidente

O prédio da Câmara Municipal de Brasilândia de Minas foi interditado pela Defesa Civil na manhã do último dia 14 de dezembro. O JP Agora entrevistou Geraldo Pablo, Coordenador da Controladoria Municipal de Proteção e Defesa Civil, que deu detalhes a respeito da medida adotada.

Segundo Geraldo, a interdição aconteceu em razão do alto grau de umidade detectado no prédio e, ainda, em razão de uma infiltração. Parte do teto de gesso do plenário desabou e documentos estão em risco.

“A infiltração veio do telhado e atingiu o primeiro andar e se deslocou para o térreo. A umidade inviabilizou todo o trabalho legislativo, atingiu documentos e, por isso, interditamos, principalmente pelo risco de acidente elétrico, de novas quedas de materiais” pontuou Geraldo ao repórter do JP Agora na manhã desta sexta-feira.

Publicidade
Dom Churrasco em João Pinheiro - Barca de Churrasco e Jantinha

A respeito dos trabalhos desempenhados pela defesa civil de Brasilândia de Minas nos últimos dias, Geraldo contou que uma residência também foi interditada depois que parte dela desabou. Os moradores da casa foram alojados em outro local e a prefeitura arcou com aluguel.

Ainda de acordo com o relato de Geraldo, Defesa Civil de Brasilândia de Minas distribuiu kits de limpeza e higiene pessoal aos moradores das residências que foram invadidas por enxurradas nas últimas chuvas. Ao final da matéria, Geraldo destacou a importância da Defesa Civil em momentos como este.

“A Defesa Civil tem uma célula muito próxima da Cruz Vermelha. É uma versão moderna de triar cidades resilientes, que possam sustentar situações difíceis. O principal objetivo é a prevenção. Verificamos os riscos e tentamos amenizar os efeitos das eventuais catástrofes” ressaltou Geraldo.

O JP Agora tentou contato com o presidente da Câmara de Brasilândia, Vereador Emílio, mas não obteve sucesso. O prédio que foi interditado passou por obras no ano passado.

2 COMENTÁRIOS


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


2 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
DELTON
3 dias atrás

AGORA é mais dinheiro pra nada, podia cair e matar esse caras que mama nas teta do governo e nao faz nada pra ajudar a populacao

C.v
2 dias atrás

O povo ja nao trabalha agora vai e interdita e pra acabar mesmoooo

Artigos relacionados

Últimas Notícias