Mulher com indícios de doença mental tenta atropelar a própria sobrinha em João Pinheiro

A menor compareceu no quartel da PM acompanhada da mãe e registrou uma ocorrência

Uma menor de idade compareceu acompanhada de sua mãe no quartel da Polícia Militar de João Pinheiro na última segunda-feira (27) para relatar que sua tia havia tentado atropelá-la na rua Juquinha Nolasco, próximo à bifurcação com a rua Benedito Brasilino. A mãe confirmou que a irmã possui atritos com ela e com a filha. A ocorrência foi registrada para providências futuras.

A menor contou que transitava na rua Juquinha Nolasco por volta das 16 horas de ontem (27) quando percebeu que um veículo se aproximava dela rapidamente. Ela informou, ainda, que teve que subir rapidamente no passeio para não ser atropelada e que, neste momento, constatou que a motorista se tratava de sua tia.

A mãe da adolescente confirmou para os militares que a irmã possui desentendimentos com ela e com a filha, já tendo, inclusive, a agredido em data anterior. Informou, ainda, que a motorista é usuária de drogas e se encontra em tratamento no CAPS da cidade. Ela foi orientada acerca das providências futuras.


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários

Artigos relacionados

Últimas Notícias