Vídeo: Polícia Militar arromba cofre e apreende duas armas de fogo após homicídio em Paracatu

O cofre pertencia a um jovem de 19 anos apontado como suspeito de ter praticado o homicídio

Um jovem de 22 anos foi morto a tiros na porta de sua residência no Bairro Sara Kubstcheck na noite da última sexta-feira, 18 de março, em Paracatu – MG. Durante as primeiras diligências, a Polícia Militar arrombou um cofre que estava na residência do principal suspeito de ter cometido o homicídio e encontrou duas armas de fogo. Três homens e dois adolescentes foram conduzidos.

Segundo apurado pelo JP Agora, o homicídio aconteceu na Rua G do Bairro Sara Kubtscheck. A vítima se trata de Israel Pereira Gonçalves, 22 anos. Informações repassadas por testemunhas à polícia apontaram que ele estava em sua residência confraternizando com diversos amigos quando se dirigiu até o portão para trancá-lo, momento em que foi surpreendido por um indivíduo armado com um revólver.

Apenas um tiro foi disparado na região do tórax de Israel. Ele chegou a ser socorrido por terceiros, mas já chegou no Pronto Socorre sem vida. Diante das informações colhidas pelos militares, as buscas pelo suposto autor se iniciaram imediatamente. Durante os patrulhamentos na Rua J, um rapaz de 18 anos correu para dentro de uma residência assim que avistou a aproximação da viatura.

O jovem que correu se negou a abrir o portão e os policiais arrombaram a tranca em razão das suspeitas. Além do rapaz, outro jovem de 19 anos, um de 26 e dois adolescentes, de 16 e 17 anos, estavam na residência. Com eles, nada de ilícito foi encontrado, mas todos entraram em contradição sobre o homicídio que acabara de acontecer.

Em razão das suspeitas, os militares deram buscas na residência e encontraram um cofre. Os jovens não quiseram abri-lo e um policial conseguiu visualizar um revólver lá dentro, motivo pelo qual o cofre foi arrombado com a utilização de um pé de cabra. A ação foi gravada pelos policiais. Confira a seguir.

Dois revólveres, um de calibre .38 e o outro calibre .32, foram encontrados dentro do cofre, além de uma barra de maconha de aproximadamente 272 gramas e um rádio HT Motorola, semelhante ao utilizado pelos militares. Os suspeitos foram conduzidos até a Delegacia com os materiais apreendidos. Segundo a PM, o grupo é suspeito da prática de diversos crimes na região, tais como assaltos, tráfico de drogas, homicídios e tentativas de homicídios.

A perícia compareceu ao local do homicídio e realizou os trabalhos de praxe, liberando o corpo mais tarde para a família após a realização dos exames no IML.


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários

Artigos relacionados

Últimas Notícias