Ladrão invade obra duas noites seguidas e furta diversas ferramentas em João Pinheiro

Outra construção, localizada na mesma rua, foi alvo de ação semelhante há poucas semanas atrás

A Rua Manoel Luiz foi palco de mais um furto a construção nesta semana, em João Pinheiro. Desta vez, a mesma obra foi invadidas duas noites seguidas e diversas ferramentas foram subtraídas. O mestre de obras responsável conversou com o JP Agora e se mostrou assustado com a ousadia do ladrão. Ninguém foi preso até o momento.

Os furtos foram registrados, nesta semana, na noite de segunda para terça-feira e de terça para quarta-feira (07). Nas duas oportunidades, o mestre de obras se deparou com o local revirado e deu falta das suas ferramentas. Com mais de 30 anos de profissão, o trabalhador contou para o JP Agora que jamais imaginava passar por esta situação, ainda mais duas noites seguidas.

“Entraram duas noites seguidas, isso é um absurdo. Meu prejuízo foi de, no mínimo, R$2.000,00 (dois mil reais). Eu trabalho como pedreiro há 30 anos e nunca havia passado por isso. Estou assustado” contou o trabalhador, que preferiu não ser identificado, ao repórter do JP Agora.

Publicidade
Barca de Churrasco - Dom Churrasco - Valor R$ 60,00

Segundo apurado pelo site, o criminoso escalou uma das paredes laterais para entrar na obra. Então, depois que entrou, subtraiu uma serra mármore 4.3/8 da marca Makita, uma furadeira Bosh, diversas ferramentas que estavam dentro de uma bolsa e aproximadamente 80 metros de fio do tipo extensão.

Vários casos semelhantes já foram registrados

O JP Agora já noticiou diversos furtos dessa natureza ocorridos em João Pinheiro recentemente. Nos últimos meses, o primeiro caso foi registrado em abril, quando um pedreiro de 32 anos teve uma ferramenta e dois cabos de extensão furtados da obra onde trabalhava. Na ocasião, a vítima chegou a apontar um suspeito, mas ninguém foi preso.

No início de maio, outra obra foi invadida, mas, desta vez, a PM encontrou o autor do crime, que confessou ter efetuado o furto para comprar drogas.

Ainda em maio, uma casa que estava sendo construída na Lindolfo Carneiro foi invadida e, mais uma vez, diversas ferramentas do pedreiro responsável pela obra foram levadas. Também, nenhum suspeito foi apontado e o caso foi registrado para providências futuras.

Por último, no início de junho, uma obra na Capitão Sancho foi a escolhida da vez. O pedreiro notou o crime quando chegou cedo para trabalhar e deu falta de diversas ferramentas de trabalho.

Providências

A Polícia Civil de João Pinheiro tem desempenhado incessantes trabalhos para solucionar os crimes que acontecem no município. Ocorre que a maioria dos furtos dessa natureza acontecem durante a noite e muito dificilmente são testemunhados por alguém, o que dificulta a identificação dos autores.

A população pode ajudar nas investigações denunciando qualquer tipo de venda suspeita de ferramentas. A denúncia pode ser feita pelo 190 ou 181, anonimamente.

5 COMENTÁRIOS


Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do JP Agora. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O JP Agora poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!


5 Comentários
Mais votados
Mais recente Mais antigos
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
??
4 meses atrás

Deve que foi o marelo da conferência,ali rouba viu kkkk

Jairo
4 meses atrás

Barriga mora ai perto
Pode ir la ver se n foi ele

PAULO FERNANDO
4 meses atrás
Resposta para  Jairo

tem o D,,,,,, tanbem

PAULO FERNANDO
4 meses atrás
Resposta para  Jairo

e o D,,, tambem fica a dica ai

Galo Doído
4 meses atrás

Ladrão folgado ??

Artigos relacionados

data-matched-content-ui-type="image_card_stacked"

Últimas Notícias